0

Confederação de Canoagem adere termo de prevenção ao abuso sexual

16 mai 2018
19h01
  • separator
  • comentários
Em reunião realizada nesta quarta-feira (15), a Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa) se comprometeu junto ao Comitê Olímpico do Brasil (COB) a aderir às ações para prevenção do abuso e assédio sexual no ambiente esportivo, tendo como público-alvo atletas, profissionais da área técnica e demais profissionais atuantes.
A adesão do CBCa acontece um dia após a assinatura do Termo de Compromisso para Ações de Prevenção ao Abuso e Assédio Sexual e Moral no Ambiente Esportivo por parte do COB.  Que, por sua vez, veio após as acusações de atletas e ex-atletas de assédios do técnico de ginástica Fernando Lopes, reveladas publicamente no início do mês de maio.
Neste documento a CBCa concorda em realizar e desenvolver um plano de ação à prevenção e tratamento de denúncias de assédio moral de sexual; criação de canais de comunicação eficazes e com regras claras de funcionamento; realização de treinamentos, palestras e cursos para todos envolvidos na confederação; capacitação dos principais gestores, integrantes do serviço médico e assistencial da entidade sobre os temas; estabelecimento de regras de conduta a respeito do assédio sexual nos regulamentos técnicos, normais internas da entidade, prevendo inclusive punições.
As ações propostas têm por objetivo a preservação da dignidade da pessoa humana e seus direitos fundamentais, tais como liberdade, intimidade, vida privada, honra, igualdade de tratamento e direito a um ambiente de trabalho e prática esportiva sadio e seguro.
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade