PUBLICIDADE
Logo do

Chapecoense

Meu time

Rodada fez com que situação da Chapecoense não ficasse ainda pior no Brasileirão

Apenas duas de seis equipes à frente da Chape na tabela de classificação venceram seus compromissos

4 out 2021 10h34
| atualizado às 10h34
ver comentários
Publicidade

É fato que, jogando diante de seu torcedor e levando em consideração o cenário delicado no Campeonato Brasileiro, a Chapecoense tinha absoluta necessidade de vencer o São Paulo no último domingo (3) em partida que terminou empatada em 1 a 1.

Equipe ficou no empate com o São Paulo em 1 a 1 na Arena Condá (Márcio Cunha/ACF)
Equipe ficou no empate com o São Paulo em 1 a 1 na Arena Condá (Márcio Cunha/ACF)
Foto: Lance!

Todavia, se for analisado o contexto de todos os jogos que foram realizados pela 23ª Rodada (Bahia x Ceará e Santos x Fluminense foram adiados pela impossibilidade de haver público), o saldo final foi menos danoso do que poderia.

Neste momento, estando na lanterna com 11 unidades, a Chape já acumula 13 pontos de distância para o primeiro time fora da zona de rebaixamento e que não atuou na rodada, o Santos. Além disso, de outros cinco times a frente do Verdão na tabela, apenas o Sport (penúltimo colocado com 20 pontos) venceu seu compromisso.

Outro ponto positivo nesse cálculo é que o derrotado no compromisso da equipe pernambucana foi outro concorrente na luta para deixar a zona da degola, o Grêmio. Desta forma, o time gaúcho se manteve na casa das 22 unidades em 18° lugar.

Porém, para a situação da Chapecoense começar a ter algum sinal de melhora, nada diferente do que vitórias em sequência precisam aparecer. Sendo que a próxima oportunidade do time dirigido pelo técnico Pintado (que cumpriu suspensão contra o São Paulo) vencer seu segundo jogo no Brasileirão será diante do líder, Atlético-MG.

A partida em questão acontece na próxima quarta-feira (6), às 19h (de Brasília), novamente na Arena Condá.

Lance!
Publicidade
Publicidade