0
Logo do Ceará
Foto: Christian Alekson / Ceará

Ceará

Em reestreia de Zago, Juventude vence o Ceará, vice-líder da Série B

3 nov 2017
21h09
atualizado às 21h21
  • separator
  • comentários

O Juventude recebeu o Ceará na noite desta sexta-feira no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, pela 33ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Precisando da vitória para seguir sonhando com uma difícil, mas ainda possível vaga na Série A, os donos da casa não decepcionaram o técnico Antônio Carlos Zago em sua reestreia no clube e, mesmo com dificuldades para levar perigo à meta rival, conseguiram sair de campo com os três pontos graças a Ramon, que garantiu o triunfo por 1 a 0 sobre o vice-líder do campeonato.

Depois de um primeiro tempo pouco movimentado, o Juventude voltou para a etapa complementar disposto a atrapalhar o rival, que está cada vez mais perto de retornar à elite do futebol brasileiro, e pôde sair de campo com o objetivo cumprido. Depois de figurar no G4 boa parte da competição, o time de Caxias do Sul perdeu força e iniciou esta rodada em sétimo lugar, no entanto, agora com mais três pontos, se fortalece na disputa pelas primeiras posições.

O Ceará tentará se recuperar do prejuízo sofrido na serra gaúcha na próxima terça-feira, quando recebe o Guarani, às 21h30 (de Brasília), na Arena Castelão. O Juventude volta a entrar em ação no mesmo dia e horário, fora de casa, contra o CRB.

O jogo - Logo no início do jogo o Ceará tratou de dar seu cartão de visitar. Aos seis minutos Lima aproveitou cobrança de escanteio para ganhar no alto e cabecear em cima de Mathues Cavicholi, que fez boa defesa e freou o ímpeto dos rivais na serra gáucha. O Juventude foi respondeu aos 13, quando Leílson recebeu passe de Ramon e finalizou de primeira, levando perigo à meta do Vozão.

Após os minutos iniciais, a partida esfriou. Com problemas de ambas equipes na criação das jogadas, a partida se concentrou entre as duas intermediárias, e o torcedor que compareceu no estádio Alfredo Jaconi não acompanhou muitos lances de perigos.

Com mais posse de bola, o Juventude tentava fazer prevalecer o mando de campo. Necessitando dos três pontos para se manter firme na briga por uma vaga na elite do futebol nacional, a equipe alviverde acabou apelando para as bolas aéreas já que não conseguia infiltrar na defesa adversária com a bola no chão. Mesmo com a mudança de estratégia o Ceará manteve a solidez defensiva e mostrou que não está na vice-liderança da Série B à toa.

O segundo tempo começou da mesma maneira que a etapa inicial terminou. A situação só foi mudar aos 17 minutos com Ramon, que aproveitou cruzamento rasteiro da direita e, dentro da área, desviou para o gol, abrindo o placar para o Juventude no Alfredo Jaconi. Vice-artilheiro da equipe na Série B, o atacante não balançava as redes havia quatro jogos.

Precisando reagir, o Ceará passou a marcar mais presença no ataque na reta final da partida. Tentando evitar com que os donos da casa ampliassem o placar, o Vozão manteve a posse de bola e propôs o jogo mesmo com a defesa do Juventude dificultando a vida dos atacantes alvinegros. Desta maneira, a vez que a equipe comandada pelo técnico Marcelo Chamusca esteve mais próxima do empate na etapa complementar foi aos 25 minutos, quando Luiz Otávio ganhou a disputa no alto após cobrança de escanteio e mandou à esquerda do goleiro Matheus Cavichiolli.

Nos minutos finais os visitantes ainda tentaram partir com tudo para cima do Juventude. O experiente Magno Alves ainda foi acionado pelo treinador do Vozão para tentar ao menos voltar para casa com um ponto na bagagem, entretanto, os anfitriões não deram brechas e seguraram o triunfo parcial com unhas e dentes no Alfredo Jaconi.

FICHA TÉCNICA

JUVENTUDE 1 X 0 CEARÁ

Local: Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS)

Data: 03 de novembro de 2017, sexta-feira

Horário: 19h15 (de Brasília)

Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva - PA (FIFA)

Assistentes: Helcio Araujo Neves (PA) e José Ricardo Guimarães Coimbra (PA)

Gols: Ramon, aos 17 minutos do 2ºT (Juventude)

Cartões amarelos: Richardson (Ceará); Ramon (Juventude)

JUVENTUDE: Matheus Cavichiolli, Bruno Ribeiro, Micael, Mauricio e Pará; Mateus Santana, Diego Felipe , Felipe Lima, Ramon e Leilson (Wallacer); Tiago Marques.

Técnico: Antônio Carlos Zago

CEARÁ: Éverson; Richardson, Rafael Pereira, Luiz Otávio e Rafael Carioca; Pedro Ken, Raul e Ricardinho (Robinho); Leandro Carvalho, Lima (Magno Alves) e Elton.

Técnico: Marcelo Chamusca

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade