PUBLICIDADE
Logo do

Ceará

Meu time

Em jogo nervoso, Juventude e Ceará empatam e seguem ameaçados no Brasileirão

Empate mantém equipes próxima à zona de rebaixamento e com jejum de seis jogos sem vitória

23 out 2021 19h49
| atualizado às 20h03
ver comentários
Publicidade

Juventude e Ceará fizeram um jogo nervoso para saírem das últimas posições do Campeonato Brasileiro. Na tarde deste sábado, se enfrentaram no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, e empataram sem gols pela 28ª rodada. Os dois grandes responsáveis pelo resultado, ruim para ambos os times, foram os goleiros Douglas Friedrich e João Ricardo.

Com o resultado, os dois times não conseguem dar fim ao jejum de vitória, que agora é de seis partidas. Com 32 pontos, o Ceará aparece em 14º lugar, e pode ver adversários da zona de rebaixamento colarem. O Juventude, que teve a estreia do técnico Jair Ventura, chegou a 29 pontos, em 15º lugar, mas pode ser ultrapassado por Bahia (28), Sport (27) e Grêmio (26).

Como esperado, por se tratar de confronto direto contra o rebaixamento, o começo do primeiro tempo foi bastante nervoso, até mesmo com princípio de confusão entre os jogadores, controlado pelo árbitro na base da conversa. Depois disso, o Juventude dominou as ações do jogo e teve quatro boas oportunidades no primeiro tempo. Logo na primeira chance, Sorriso só não abriu o placar porque o goleiro do Ceará, João Ricardo, fez um milagre após cabeçada dentro da pequena área.

Principal jogador dos mandantes, Sorriso teve mais duas finalizações perigosas, mas para fora. Em outro lance, Roberson deu carrinho, mas não conseguiu completar cruzamento rasteiro.

No segundo tempo, os gaúchos seguiram no ataque e tiveram a primeira chance novamente com Sorriso, de cabeça, mas o goleiro fez outra grande defesa. O Ceará enfim conseguiu assustar o Juventude e teve duas finalizações perigosas no mesmo lance. Erick chutou após cruzamento, mas Douglas Friedrich salvou. No rebote, o meia ainda tentou de novo, mas mandou para fora.

Com a entrada de Jael, o Ceará teve mais duas chances. Na primeira, ele acertou o alvo no cantinho, mas Douglas caiu muito bem para defender. Já na segunda, a bola passou com perigo, mas para fora. O final do jogo voltou a ficar tenso e, apesar de duas chegadas do Juventude, com Paulinho Boia e Sorriso, o zero não saiu do placar.

O próximo adversário dos dois times será o Bahia. Na quarta-feira, às 19h, o Ceará estará na Arena Fonte Nova, em Salvador (BA), para encarar os baianos em jogo atrasado da 23ª rodada. Já o Juventude recebe o Bahia no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, no sábado, às 19h15, pela 29ª rodada.

FICHA TÉCNICA

JUVENTUDE 0 X 0 CEARÁ

JUVENTUDE - Douglas Friedrich; Michel, Vitor Mendes, Rafael Forster e William Matheus; Jadson (Chico), Dawhan e Guilherme Castilho; Sorriso, Roberson (Paulinho Bóia) e Capixaba (Rafael Bilu). Técnico: Jair Ventura.

CEARÁ - João Ricardo; Igor (Gabriel Dias), Messias, Luiz Otávio e Bruno Pacheco; Fabinho, Fernando Sobral (Jorginho), Lima (Mendoza), Marlon (William Oliveira) e Erick; Cléber (Jael). Técnico: Tiago Nunes.

ÁRBITRO - Rodolpho Toski Marques (PR).

CARTÕES AMARELOS - William Matheus (Juventude) e João Ricardo e Igor (Ceará).

RENDA - R$10.275,00

PÚBLICO - 3.680 pagantes

LOCAL - Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS).

Estadão
Publicidade
Publicidade