PUBLICIDADE
Logo do

Bragantino

Meu time

Bragantino elimina o Talleres na Argentina e dorme na liderança do grupo

18 mai 2021 23h38
ver comentários
Publicidade

Pela fase de grupos da Copa Sul-Americana, nesta terça-feira, a equipe do Bragantino viajou até a Argentina para surpreender o Talleres. Os brasileiros venceram por 1 a 0 e assumiram a liderança temporária do grupo G.

A noite demorou para esquentar em Córdoba - as duas equipes protagonizaram uma partida equilibrada nos minutos iniciais e sem grandes oportunidades de gol.

Conforme a bola foi rolando, o Bragantino conseguiu dominar as principais ações do jogo e a rede balançou aos 27 minutos. Claudinho roubou no campo de ataque trabalhou com Helinho, que recebeu no centro da área e finalizou com sucesso.

Após o gol, a partida seguiu equilibrada e com o Massa Bruta levando mais perigo nas ações ofensivas. Já no segundo tempo, Artur ainda ampliou o marcador, mas a festa foi interrompida com o impedimento marcado.

Na reta final, sendo eliminado da competição com a derrota, o Talleres empurrou o Braga no campo de defesa, mas não conseguiu furar o bloqueio.

O Bragantino chega aos nove pontos e lidera o grupo G de forma momentânea, já que Emelec e Tolima ainda se enfrentam. O Talleres fica estacionado nos cinco pontos, sem chance de classificação.

FICHA TÉCNICA

TALLERES 0 X 1 RB BRAGANTINO

Local: Estádio Mario Alberto Kempes, em Córdoba (AR)

Data: Terça-feira, 18 de maio de 2021

Horário: 21h30 (horário de Brasília)

Árbitro: Leodan Gonzalez (URU)

Assistentes: Pablo Llarena e Agustin Berisso (URU)

Cartões Amarelos: Mac Allister, Fragapane (TAL) Aderlan, Léo Ortiz, Luan Cândido (BGT)

GOLS:

BRAGANTINO: Helinho (27'1T)

TALLERES: Herrera; Tenaglia, Rafael Pérez, Hiencapié e Enzo Díaz; Mac Allister (Mauri), Ignacio Méndez (Mauro Ortíz) e Ángelo Martino (Diego García); Fragapane (Retegui), Michael Santos e Auzqui (Soñora).

Técnico: Alexander Medina

BRAGANTINO: Cleiton; Aderlan, Fabrício Bruno, Léo Ortiz e Edimar (Natan); Luan Cândido (Jadsom Silva), Ramires e Claudinho (Cuello); Artur, Ytalo e Helinho (Ligger).

Técnico: Maurício Barbieri

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade