0

'Rei dos Empates', Botafogo tenta quebrar jejum e sair do buraco no Brasileirão

Sob o comando de Paulo Autuori, equipe carioca tenta deixar as últimas posições contra o também ameaçado Bahia

30 set 2020
08h49
atualizado às 08h49
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Afundado no 18° lugar e há oito rodadas sem ganhar no Brasileirão, o Botafogo entra em campo pressionado diante do lanterna Bahia, às 21h30, no Engenhão, no Rio de Janeiro. "Rei dos Empates", o time carioca precisa quebrar o jejum de vitórias para sair da zona de rebaixamento.

O Botafogo é o único time que ganhou somente uma vez na atual edição do Brasileirão. O curioso: o triunfo do dia 9 de agosto foi diante do líder Atlético-MG, pela quarta rodada. No intervalo, conseguiu triunfar sobre o Paraná e o Vasco, ambos pela Copa do Brasil.

Mas, no Brasileirão, a série de oito empates incomoda bastante. Tivesse perdido metade delas e ganho a outra metade, estaria com quatro pontos a mais e figurando no 11° lugar.

A grande missão do Botafogo é conseguir segurar a vantagem no placar. Dos oito empates no Brasileirão, em quatro a equipe saiu na frente, como no fim de semana, quando fez 1 a 0 no Atlético-GO, mas acabou cedendo o 1 a 1.

Já havia repetido a marca negativa diante do Flamengo (1 a 1) e do Corinthians (2 a 2), jogos nos quais sofreu o gol no último lance. O 1 a 1 com o Athletico-PR veio com gol dos paranaenses também nos minutos finais.

O adversário está na lanterna da competição e ainda não ganhou sob o comando de Mano Menezes. A meta botafoguense é se impor diante de um rival não menos pressionado e fazer valer o mando de campo para subir na tabela.

O marfinense Kalou é dúvida. Sente desconforto muscular. Pode dar lugar a Pedro Raul. No meio, Honda e Rentería disputam a vaga. O jogo foi adiado na primeira rodada. Na época, o Bahia estava disputando as finais do Estadual.

Pressão no Bahia

Na lanterna e sem vencer há nove jogos, o Bahia entra em campo nesta quarta-feira bastante pressionado para o confronto direto contra o Botafogo. A última vitória do Bahia aconteceu no dia 16 de agosto, sobre o Red Bull Bragantino. De lá para cá, foram seis derrotas e três empates. O tricolor baiano perdeu as últimas quatro partidas que fez pelo Brasileirão, sendo duas sob o comando de Mano Menezes, que substituiu Roger Machado.

Esta sequência negativa colocou o time baiano na lanterna do Brasileirão, com apenas nove pontos em 11 jogos. Uma vitória nesta noite, porém, tira o time tricolor da zona de rebaixamento.

O treinador tem a volta do lateral-direito Nino Paraíba após cumprir suspensão automática, mas ainda não sabe se vai poder contar com os atacantes Gilberto e Élber, que foram substituídos durante a derrota para o Athletico-PR, por 1 a 0, e serão mais bem avaliados. Marco Antônio e Saldanha podem entrar.

Apesar da série negativa, Mano Menezes vê evolução no time a acha que a má fase logo vai passar. "Fizemos um jogo ruim diante do Atlético-GO, mas fizemos dois jogos melhores diante do Corinthians e do Atlético Paranaense. Então, já começa apresentar uma melhora, que é notória para quem entende do fundamento do grupo. Toda essa melhora vai dar a possibilidade do saldo final", afirma.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade