1 evento ao vivo

Montenegro critica dirigentes de Flamengo e Vasco

20 mai 2020
11h10
atualizado às 11h10
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A diretoria do Botafogo se pronunciou desde o início da quarentena pela pandemia de coronavírus a favor da preservação dos jogadores. Nesta terça-feira, os presidentes de Flamengo e Vasco viajaram até Brasília para encontrar o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro. O intuito da reunião é chegar a um termo para o retorno do futebol.

Só que o encontro dos dirigentes não foi bem visto pelo ex-presidente do Botafogo, Carlos Augusto Montenegro, atual membro do Comitê Gestor do clube.

"Os clubes têm que ser grandes dentro e fora de campo. É uma atitude de time pequenininho. Eles podem se tornar homicidas forçando uma barra dessas. Quem vai se responsabilizar se um atleta ou um funcionário passar para um membro da família, alguém em casa? Que protocolo é esse? As pessoas vêm treinar e, quando voltam, podem estar contaminadas", disse ao Globoesporte.com.

Montenegro critica cartolas rivais (Foto: Divulgação/Vitor Silva)
Montenegro critica cartolas rivais (Foto: Divulgação/Vitor Silva)
Foto: Gazeta Esportiva

Para Montenegro, não é o momento dos clubes pensarem no retorno das atividades presenciais. O dirigente afirmou que o panorama carioca não justifica uma possível abertura para os jogadores.

"Não tem justificativa para a volta do futebol. Estamos com um problema sério principalmente no Rio de Janeiro. No Brasil, estamos chegando perto de 1 mil pessoas por dia. Todos os hospitais com problema. Não sei se as pessoas estão sendo irresponsáveis, homicidas ou se não estão regulando bem. O futebol não é atividade essencial", declarou.

O dirigente revelou que falou com o presidente Nelson Mufarrej para que o Botafogo não participe do retorno do Campeonato Carioca antes da liberação por parte das autoridades.

"Já conversei com o Nelson Mufarrej e com todos. A posição do Botafogo é de não jogar. Acho que a posição de Flamengo e Vasco é fazer um Carioca só com eles dois, uma Copa do Brasil só com eles dois e um Campeonato Brasileiro só com eles dois", destacou.

O elenco do Botafogo segue com os treinos virtuais, sem data para a retomada das atividades no Nilton Santos. No entanto, os alvinegros adiantaram que vão adotar o protocolo para a volta do futebol somente após serem liberados pelas autoridades cariocas.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade