PUBLICIDADE
Logo do

Botafogo

Meu time

Chamusca enaltece funcionários do Botafogo após semana com trocas de sedes: 'Heróis invisíveis'

Por conta da Copa América, Botafogo teve que sair do Estádio Nilton Santos para treinar no CT da Saferj e, posteriormente, no Clube da Aeronáutica

13 jun 2021 19h14
| atualizado às 19h36
ver comentários
Publicidade

O Botafogo passou por uma semana conturbada nos bastidores. Com o Estádio Nilton Santos entregue para a realização da Copa América, o time do Alvinegro passou a treinar no CT da Saferj na quarta e na quinta-feira. A equipe também realizou atividades no Clube da Aeronáutica nos últimos dois dias.

Marcelo Chamusca reconheceu trabalho dos funcionários do clube (Foto: Vítor Silva/Botafogo)
Marcelo Chamusca reconheceu trabalho dos funcionários do clube (Foto: Vítor Silva/Botafogo)
Foto: Lance!

Marcelo Chamusca, em entrevista coletiva realizada neste domingo após o jogo contra o Remo, pela 3ª rodada da Série B, enalteceu a organização interna do Botafogo, principalmente aos funcionários, que tiveram que carregar e levar os itens dos jogadores para dois lugares diferentes durante a semana.

- O que eu gostaria de ressaltar sobre o CT da Saferj e o Clube da Aeronáutica, é sobre uma boa parte dos funcionários do Botafogo, eu até os chamo de heróis invisíveis, eles são fundamentais. O que esses caras trabalharam essa semana para que a gente pudesse levar tudo para dois lugares diferentes foi sensacional. Pessoal de rouparia, massagistas, apoio, fisioterapeutas, Departamento médico, análise, nutrição, não é fácil fazer isso. O resultado já começou a ser construído aí. Conversei com eles para a gente transformar as dificuldades em motivação - afirmou.

Parte dessa semana, porém, deve ser longe do Rio de Janeiro: o Botafogo enfrentará o Londrina na próxima quinta-feira, às 19h, no Estádio do Café.

Lance!
Publicidade
Publicidade