0

NBA

Durant dá novo show e deixa Warriors a 1 vitória do título

Jason Miller / Getty Images
7 jun 2018
00h41
atualizado em 8/6/2018 às 20h16
  • separator
  • comentários

O Golden State Warriors foi a Cleveland para o primeiro jogo como visitante nas finais da NBA e não se intimidou. Com uma partida inesquecível de Kevin Durant, os atuais campeões venceram mais uma vez, agora por 110 a 102 e abriram 3 a 0 na série que vai definir o campeão. Com isso, os Warriors podem "varrer" os Cavs e erguerem a taça se triunfarem de novo no quarto jogo, marcado para essa sexta-feira, às 22h (de Brasília), de novo na Quicken Loans Arena, em Cleveland, Ohio.


 

Durant terminou o confronto com 43 pontos, dez a mais que LeBron James, ofuscado nessa quarta, além de 13 rebotes, mesmo número de Kevin Love, jogador dos Cavs. Draymond Green distribuiu nove assistências, duas a menos que James, o astro solitário dos donos da casa.

Foto: Ken Blaze / Reuters

O Cleveland começou muito bem a partida e logo incendiou o ginásio. Superior nos rebotes e contando com boas atuações de J. R. Smith e Kevin Love, que dessa vez não deixavam LeBron James jogar sozinho, os mandantes rapidamente colocaram 10 pontos de diferença a seu favor.

Passados os momentos de sufoco, o Golden State melhorou na defesa e neutralizou o ataque dos oponentes, dando tranquilidade para Klay Thompson e Kevin Durant converterem bolas em sequência e colocar a equipe de Steve Kerr de volta no jogo. No decorrer do primeiro quarto, o jogo se manteve equilibrado e, mesmo após um início muito bom, os mandantes ganharam a parcial por apenas um ponto (29 a 28).

Foto: Carlos Osorio / Reuters

Após conquistarem a confiança no primeiro quarto, Kevin Love e J. R. Smith convertiam a maioria das bolas em que arremessavam e, através disso, impulsionaram o Cleveland no marcador, colocando em certa altura do segundo quarto 13 pontos de vantagem. Assim como o ataque, a defesa dos Cavaliers fazia bom segundo quarto e complicava Sthephen Curry e companhia.

Se LeBron James levou o Cleveland nas costas no primeiro jogo, Kevin Durant fazia o mesmo na primeira metade do terceiro embate. Em ótima atuação, o ala-pivô, cestinha dos dois primeiros quartos ao fazer 20 pontos, era o responsável por não deixar os anfitriões escaparem no marcador, que contabilizava 58 a 52 para a equipe de Tyronn Lue ao final do segundo período.

Foto: Gregory Shamus / Getty Images

O Golden State voltou do intervalo imprimindo um ritmo intenso e não demorou para encostar no placar. Através de Durant, que seguia "matando suas bolas", os visitantes não só empataram como assumiram a liderança da partida. Porém, os Cavaliers não se davam por batidos e não deixavam os oponentes abrirem. Com isso, os visitantes foram para o quarto decisivo com uma supremacia de apenas dois pontos.

O último quarto do jogo foi quente, com os dois times insistindo em levar o confronto ponto a ponto. Até que nos dois últimos minutos, quando o ginásio não se continha em ansiedade, Kevin Durant resolveu fazer a diferença. Com uma cesta de três do meio da rua, o astro do Golden State colocou sua equipe com a mão no título. Foram seis pontos de vantagem no último quarto, que confirmaram a vitória dos visitantes por 110 a 102.

Foto: Gregory Shamus / Reuters
Foto: Ken Blaze / Reuters
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade