PUBLICIDADE

Candace Parker será primeira mulher a estampar capa do game NBA2K

Jogadora do Chicago Sky, da WNBA, divide espaço com Luka Doncic, Kareem Abdul-Jabbar, Dirk Nowitzki e Kevin Durant na capa do jogo de basquete

14 jul 2021 15h36
| atualizado em 4/8/2021 às 13h02
ver comentários
Publicidade

A 2K, responsável por produzir a franquia de jogos de basquete NBA2K, revelou nesta quarta-feira, os jogadores que farão parte da capa do NBA2K22. Entre eles, está uma novidade: Candace Parker, ala do Chicago Sky e uma das principais jogadoras da WNBA, liga americana de basquete.

A ex-jogadora do Los Angeles Sparks é a primeira mulher a estampar a imagem no jogo e está entre as cinco personalidades escolhidas pela empresa norte-americana, que conta também com o armador sensação do Dallas Mavericks, Luka Doncic, o ala do Brooklyn Nets, Kevin Durant, e as lendas Karem Abdul-Jabbar e Dirk Nowitzki. Porém, no caso dos três últimos, será feita uma capa única para homenagear os 75 anos da NBA. Além disso, a versão de Parker só poderá ser adquirida nas lojas da GameStop, enquanto Doncic é o protagonista da tradicional.

Candace Parker, do Chicago Sky, será a primeira mulher capa do NB2k
Candace Parker, do Chicago Sky, será a primeira mulher capa do NB2k
Foto: Reprodução/Twitter/@NBA2K / Estadão

Nas redes sociais, a atleta comemorou o feito. "Extremamente orgulhosa e humilde de ser a primeira mulher na capa da história do NBA2K", disse. "Estou honrada de trabalhar com uma companhia que está investindo em mulheres e apostando no nosso sucesso". No currículo, a jogadora tem um título de WNBA em 2016, dois MVPs e seis indicações para o Jogo da Estrelas da liga. Conhecida por sua habilidade e inteligência dentro de quadra, Parker tem larga experiência no exterior e foi campeã olímpica em duas oportunidades: 2008, em Pequim, e 2012, em Londres. Na temporada passada, a ala foi eleita a Jogadora Defensiva do Ano da WNBA.

"Ter o privilégio de ser uma emissora em 2K era um objetivo meu e agora estar na capa traz o círculo completo. Tenho esperança de que haja muitas mulheres firmes para seguir", afirmou. No entanto, seu sucesso não se resume às quadras nem aos videogames.

Em 2019, ela se tornou comentarista da NBA na TNT, onde é acompanhada por Dwyane Wade, ex-jogador do Miami Heat ou substitui um dos integrantes do Inside the NBA, principal programa da emissora. Shaquille O'Neal e Charles Barkley são dois dos nomes que fazem parte da atração.

A franquia NBA2K existe desde 1999, quando foi lançado para a plataforma Dreamcast. Desde então, a empresa da Califórnia vem acompanhando a evolução dos games e da NBA, e, em 2020, decidiu incluir também a WNBA no jogo. Agora, dá um passo ainda maior, colocando uma de suas principais representantes na capa. Nesse ano, a liga completa 25 anos e comemora todas as conquistas que fizeram a marca se tornar um sucesso hoje. Para se ter uma ideia, a WNBA teve uma média de 357 mil espectadores entre os canais ABC, ESPN e ESPN2 nas duas primeiras semanas de temporada. Esse número representa uma porcentagem 74% maior do que em 2020 e 45% maior do que em 2019. Ou seja, as audiências das partidas estão entre as maiores da história, e parceiros como Google e Amazon Prime Video fazem o basquete feminino crescer cada vez mais nos Estados Unidos.

Estadão
Publicidade
Publicidade