PUBLICIDADE
Logo do

Bahia

Meu time

Sem dificuldades, Bahia vence na primeira partida da semifinal do Baiano

21 mar 2019
21h20 atualizado às 21h20
0comentários
21h20 atualizado às 21h20
Publicidade

Pela primeira partida da semifinal do Campeonato Baiano, nesta quinta-feira, o Bahia venceu o Atlético Alagoinhas por 3 a 0, na Fonte Nova. A equipe de Enderson Moreira fez boa partida e não teve dificuldades para bater o adversário e encaminhar a classificação para a final.

O Esquadrão de Aço dominou na primeira etapa, mas tinha dificuldade nas finalizações. Ainda assim, a equipe conseguiu abrir o placar com um lindo gol de Moisés, que acertou uma bomba de fora da área aos 36 minutos.

No segundo tempo, em desvantagem no placar, a equipe visitante começou pressionando, mas um gol contra acabou complicando ainda mais a situação. Com a vantagem, o Bahia conseguiu controlar o jogo sem passar sustos e ainda fez o terceiro com Ramires.

Autor de quatro gols na última partida, contra o Jequié, o centroavante Fernandão foi poupado pelo treinador Enderson Moreira. O artilheiro da equipe no Estadual começou no banco e entrou apenas aos 36 minutos da segunda etapa.

O jogo de volta acontece na próxima quarta-feira, dia 27, com mando do Atlético. Antes disso, no sábado, o Bahia encara o Salgueiro pela Copa do Nordeste, buscando a classificação no torneio regional. A equipe está na sexta colocação com nove pontos.

O jogo:

O Bahia começou mostrando que dominaria a partida. Logo aos três minutos, Gilberto deu lindo passe de calcanhar para Arthur Caíke, que fez a ultrapassagem e finalizou. O goleiro Diego, do Atlético Alagoinhas estava bem posicionado e fez a defesa.

A equipe mandante rondava a área adversária com intensidade, mas os erros de finalizações atrapalharam. Os visitantes, acuados, tinham como estratégia sair nos contra-ataques, mas o Bahia fez bem a recomposição defensiva.

Aos 36 minutos, Arthur Caíke fez fila na entrada da área e sofreu a falta. Ele mesmo foi para a cobrança, mas mandou a bola na barreira. Moisés, bem posicionado, aproveitou o rebota, ajeitou e mandou uma bomba para abrir o placar na Fonte Nova.

No segundo tempo, em desvantagem no placar, a equipe visitante começou pressionando. O goleiro Douglas, do Bahia, teve que fazer duas defesas importantes nos primeiros dez minutos.

Apesar da blitz do Atlético, o Bahia aumentou a vantagem aos 14 minutos. Élber recebeu pela direita e chutou cruzado, com força. O lateral-direito Ed, dos visitantes, tentou fazer o corte, mas acabou fazendo o gol contra.

Aos 23 minutos, Douglas dividiu a bola no alto com o atacante Peixoto e sentiu as costas. O goleiro não conseguiu continuar na partida e foi substituído pelo reserva Anderson.

O Tricolor ainda marcou o terceiro, aos 34, com o jovem Ramires. Arthur Caíke recebeu em velocidade pela direita e fez o cruzamento para a área. O camisa 10 apareceu pelo lado esquerdo e apenas completou para as redes.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade