0

Autores dos gols do Vasco festejam fim de jejum e novo fôlego na tabela

Oswaldo Henríquez e Raul foram fundamentais na vitória por 3 a 0 contra o CSA

10 nov 2019
23h25
  • separator
  • 0
  • comentários

Apesar de ter sido um jogo bastante disputado, o Vasco conseguiu voltar a vencer após quatro rodadas ao bater o CSA por 3 a 0, em pleno Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL). Após a partida válida pela 32.ª rodada do Campeonato Brasileiro, os jogadores vascaínos comemoraram o bom resultado que ajuda o time carioca a diminuir ainda mais as chances de rebaixamento.

"Esse foi um jogo para nos dar confiança, essa vitória ajuda demais. Temos feito boas apresentações fora de casa, mas não estávamos conseguindo vencer. Agora temos que jogar esse mesmo bom futebol para também vencer em casa. De qualquer forma, o mais importante é somar três pontos, com isso ficamos mais perto do nosso objetivo, que é salvar o Vasco do rebaixamento", disse o zagueiro Oswaldo Henríquez, autor do segundo gol do duelo.

O volante Raul, que fez um bonito gol ainda no primeiro tempo abrindo o caminho para a vitória, falou como o equilíbrio na primeira etapa foi fundamental para a vitória e ainda fez questão de dedicar o tento a família, que o apoiou durante uma lesão.

"A gente sabia que seria um jogo difícil. Fizemos um bom primeiro tempo, controlamos a posse de bola e conseguimos suportar a pressão no início. No segundo tempo, nosso rendimento caiu, mas conseguimos aproveitar as chances que tivemos. Também quero aproveitar para dedicar esse gol à minha esposa Fabrícia, ao meu filho Rafael e aos meus pais. Só eles sabem o que passei nos últimos dias com a lesão. Minha família sempre esteve ao meu lado", afirmou. O outro gol da partida foi marcado por Carlinhos (contra).

Com o resultado, o Vasco chegou aos 42 pontos e abriu nove de vantagem para o Botafogo, que é o primeiro time dentro da degola, com 33, faltando seis rodadas para o fim da competição. Agora, o time carioca tem mais de uma semana de treinamentos, já que só volta a campo no próximo dia 19, uma segunda-feira, quando recebe o Goiás, às 19h30, em São Januário.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade