TODOS OS VÍDEOS

WILSINHO FITTIPALDI e seu "ADEUS" para NIKI LAUDA

“Nunca vi um piloto reclamar dele. Sempre foi uma pessoa muita respeitosa, com uma capacidade técnica enorme para pilotar e acertar carros, e que dirigia com muita lealdade.” Assim, Wilson Fittipaldi Júnior guarda na lembrança o período em que conviveu com Niki Lauda, o tricampeão mundial de Fórmula 1 que morreu na última segunda-feira, aos 70 anos. Os dois tiveram uma relação de amizade, que até levou o austríaco a ser cogitado para pilotar na única equipe brasileira da F1, a Copersucar-Fittipaldi.

F1 Mania

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade