0

Vettel lamenta erros em 2019 e admite temporada ruim: 'Não foi o que esperávamos'

Alemão teve mais baixos do que altos no ano da Fórmula 1, com apenas uma vitória e terminando na quinta colocação

1 dez 2019
17h05
  • separator
  • 0
  • comentários

Ao final da temporada de 2019 da Fórmula 1, Sebastian Vettel fez uma autocrítica. Depois de chegar em quinto lugar no GP de Abu Dabi, neste domingo, o piloto alemão reconheceu que tanto ele como a Ferrari não têm muito do que se orgulhar.

"Não foi o ano que esperávamos ter", admitiu Vettel. "Acho que os motivos são claros, as lições são claras e cabe a nós aceitá-las. Precisamos ser mais fortes como time e eu, como indivíduo, posso fazer melhor. Então não foi um grande ano para mim", completou.

Vettel teve mais baixos do que altos nesta temporada. O tetracampeão mundial venceu apenas uma corrida no ano e encerrou 2019 na quinta colocação do Mundial de Pilotos, com 240 pontos. Já a equipe foi vice-campeã mundial de construtores.

Alguns erros individuais e também da Ferrari impediram que ele tivesse resultados melhores. No GP da Itália, por exemplo, rodou em disputa com Lewis Hamilton. Em Interlagos, no GP do Brasil, tocou em seu companheiro Charlec Leclerc e os dois tiveram de abandonar.

Leclerc, por outro lado, se mostrou satisfeito com o seu desempenho em sua temporada de estreia na Ferrari. De fato, o piloto monegasco de 22 anos tem mais a comemorar do que o alemão, já que venceu duas corridas no ano e terminou em quarto na classificação geral do campeonato, com 264 pontos.

"Estou muito contente com o que fiz neste ano. Foi a realização de um sonho que tinha desde criança. Aprendi muito nesta temporada com o Seb", disse Leclerc. Ele chegou em terceiro no GP de Abu Dabi, no circuito de Yas Marina.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade