0

Marcos Gomes leva pole da última etapa da Stock e líder Daniel Serra larga em 7º

Na briga pelo título, Thiago Camilo larga em segundo, Felipe Fraga, em terceiro, e Daniel Serra, em sétimo

14 dez 2019
20h39
atualizado às 21h00
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A pole position da corrida final da temporada 2019 da Stock Car ficou com um piloto que não tem mais chances de título. Neste sábado, Marcos Gomes faturou o primeiro lugar do grid de largada da etapa de Interlagos, a 12ª do campeonato, que será disputada com seis concorrentes a levar o campeonato.

Marcos Gomes, que foi campeão há quatro anos, faturou a 15ª pole da sua carreira, sendo a quarta em Interlagos. O piloto da KTF cravou o tempo de 1min37s802 para garantir o primeiro lugar, três posições à frente de Diego Nunes, seu companheiro de equipe.

"A gente está numa boa posição para largar e tem bastante combustível no carro, então acho que dá para brigar pela vitória. A equipe vem em uma ótima ascensão nas últimas etapas e o resultado é esse: uma pole e dois carros no Q3", comentou.

Entre os pilotos da KTF, ficaram dois concorrentes ao título. Thiago Camilo, que precisa ganhar e ver Daniel Serra terminar no máximo em sexto para ser o campeão, garantiu o segundo lugar do grid, após marcar 1min37s980.

"Acho que conseguimos concretizar nosso objetivo, chegar no Q3. Temos diversas variáveis dentro da classificação, como os carros lacrados, a diferença de combustível. Mas, de qualquer forma, foi uma boa classificação e ficamos na frente de nossos concorrentes diretos. Agora é trabalhar para termos o melhor desempenho possível."

Felipe Fraga, também com chances de título é o terceiro do grid, com 1min38s063. "Foi o que deu. Fui para o Q3, tem muita diferença de volume de combustível e acho que estou em um lugar bom para a estratégia que eu tenho", disse.

Denis Navarro foi o quinto colocado do treino classificatório, à frente de outro "finalista", Julio Campos. "Foi bem ruim o Q3. Cometi pequenos erros na volta, fui para o tudo ou nada na Junção, freei tarde, a traseira saiu, fiquei de lado e busquei só terminar a volta, mesmo sabendo que seria o sexto", analisou.

Líder do campeonato e precisando do quinto lugar para ser campeão sem depender de outros resultados, Daniel Serra vai largar neste domingo da sétima posição. "Não é bom, não é ruim, mas estamos ali. Difícil saber quem está leve, quem está pesado, o que vai mexer com o tempo de pit stop e com a ordem durante a corrida. Não é a posição que a gente gostaria, mas não é uma posição ruim."

Ele foi seguido por Gabriel Casagrande, Nelsinho Piquet e Rubens Barrichello, o décimo do grid e ainda com chances de levar o título. "A gente acordou com problemas de freio e eu ainda não consigo usar todo o potencial do carro por conta desses problemas de estabilidade na freada. De qualquer forma, passamos de fase e posso dizer que a classificação é o resumo do ano. Vamos pensar em uma estratégia ultra eficiente para tentar somar o melhor resultado possível."

Entre os concorrentes ao título, Ricardo Maurício é o pior colocado no grid de largada da etapa de Interlagos. Ele vai começar a prova, marcada para as 10h10 deste domingo, da 13ª colocação.

Veja também:

Veja como ficou carro de piloto da F1 após acidente com fogo
Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade