PUBLICIDADE

Verstappen revela ligação de Hamilton dias após batida, mas reitera: "Foi desrespeitoso"

Max Verstappen não mudou muito de opinião sobre a postura de Lewis Hamilton em Silverstone. O holandês teve conversa por telefone com o britânico, mas não revelou os assuntos

29 jul 2021 10h53
| atualizado às 11h35
ver comentários
Publicidade
Max Verstappen conversou com Lewis Hamilton
Max Verstappen conversou com Lewis Hamilton
Foto: Red Bull Pool Content/Getty Images / Grande Prêmio

Aos poucos, Max Verstappen e Lewis Hamilton parecem capazes de deixar o GP da Inglaterra no passado. O holandês, que deixou Silverstone cuspindo marimbondo e criticando a postura infeliz do britânico dentro e fora das pistas, revelou que já teve uma ligação por telefone para debater os acontecimentos.

Verstappen não entrou em detalhes sobre o que foi conversado com Hamilton. O que quer que o britânico tenha dito, não serviu para mudar a postura do holandês por completo.

"Sim, ele me ligou. Eu não preciso entrar em detalhes sobre o que falamos, mas nós tivemos uma conversa", disse Verstappen.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Max Verstappen conversou com Lewis Hamilton sobre Silverstone (Foto: Red Bull Content Pool)

"O que eu quis dizer sobre desrespeito: você não pode comemorar depois de jogar alguém contra o muro com batida de 51G", seguiu, explicando postagem no Instagram após a corrida. "Não é assim que se celebra uma vitória e é por isso que não achei aquilo tudo muito legal. Não gostaria de ser visto fazendo algo como aquilo", destacou.

Verstappen acredita que a comemoração de Hamilton após a vitória foi exagerada. Afinal, na altura da bandeirada o holandês ainda estava no hospital após o acidente da primeira volta para realizar exames e não estava claro se havia lesões ou não. Max não muda de opinião, mas também não quer ficar revirando o passado.

"Não temos como mudar o resultado, de qualquer forma. Perder muitos pontos é certamente uma pena. Além disso, não há muito o que dizer. Eu bati forte em Silverstone e ninguém quer isso. Só que o foco agora está em ter um bom fim de semana aqui [Hungaroring]", encerrou.

Hamilton também contou sua versão da ligação com Verstappen. O britânico deu um pouco mais de detalhes, como os dois afirmando que ainda respeitam um ao outro.

O GP da Hungria é o último antes das férias de verão da Fórmula 1. A corrida acontece neste domingo, 1° de agosto.

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade