PUBLICIDADE

Turquia volta ao calendário da F1 e ocupa lugar de Singapura com etapa em 3 de outubro

A Turquia entrou, saiu e agora está novamente de volta ao calendário da Fórmula 1. Mesmo com o país ainda figurando na lista vermelha de restrições do Reino Unido sobre a pandemia de Covid-19, Istambul Park foi anunciado como palco da 16ª etapa da temporada 2021

25 jun 2021 06h29
| atualizado às 06h41
ver comentários
Publicidade
O GP da Turquia está de volta ao calendário
O GP da Turquia está de volta ao calendário
Foto: Racing Point / Grande Prêmio

A Fórmula 1 aproveitou a manhã desta sexta-feira (25), minutos antes do primeiro treino livre para o GP da Estíria, e anunciou de surpresa o retorno da Turquia para o calendário da temporada 2021. Istambul fica com o lugar do GP de Singapura, inicialmente marcado para o fim de semana de 3 de outubro.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

O GP da Turquia não aparecia no calendário original da temporada, mas entrou como substituto, como já acontecera em 2020, após o cancelamento da etapa do Canadá, em razão da pandemia. Entretanto, a etapa no Istambul Park foi riscada do cronograma porque o país figurava na lista vermelha de restrições impostas pelo governo britânico em razão da pandemia de Covid-19.

No momento, a Turquia segue na lista, mas a gestão da Fórmula 1 definiu que a antiga capital do Império Otomano volta ao calendário para ocupar a lacuna deixada pelo GP de Singapura e vai ser palco da 16ª etapa do campeonato entre os dias 1 e 3 de outubro. Países como Bahrein, Brasil e Emirados Árabes Unidos, onde está localizada Abu Dhabi, também fazem parte da lista vermelha.

Desta forma, a Turquia vai formar a segunda parte da terceira rodada tripla prevista na temporada 2021. A corrida em Istambul Park vai ser realizada uma semana depois do GP da Rússia, no Parque Olímpico de Sóchi, e uma semana antes do GP do Japão, por enquanto mantido no cronograma do campeonato.

GP da Turquia fez que foi, não foi, mas vai
GP da Turquia fez que foi, não foi, mas vai
Foto: Alfa Romeo / Grande Prêmio

Paddockast #109: A primeira avaliação dos pilotos em 2021

Em comunicado emitido na esteira do anúncio, nesta manhã de sexta-feira, a Fórmula 1 diz que "após negociações com outros promotores, estamos confiantes de que vamos conseguir viajar para a corrida de acordo com nossos estritos protocolos de segurança".

"A comunidade da Fórmula 1 vai continuar a viajar nesta temporada com medidas de segurança rigorosas, que nos permitiram viajar com segurança nesta temporada. Até agora, realizamos mais de 44 mil testes, com 27 casos positivos, uma taxa de 0,06%, com a maioria acontecendo durante a primeira parte da temporada", continuou o comunicado.

"Paralelamente a isso, uma proporção significativa da comunidade da Fórmula 1 já foi vacinada, e estamos confiantes de que todos terão a oportunidade de fazê-lo até o fim do verão. Vamos continuar a operar de modo a proteger a segurança das nossas pessoas e das comunidades que visitamos", concluiu.

"Queremos agradecer à administração do Intercity Istambul Par e Vural Ak por seus esforços pessoais para que este evento acontecesse. Mostramos que podemos seguir nos adaptando, e há um grande interesse em nosso esporte e um desejo de muitos locais para ter um GP. Tivemos conversas muito boas com todos os outros promotores desde o começo do ano e continuamos a trabalhar próximo a eles durante este período", finalizou.

O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do GP da Estíria de Fórmula 1 AO VIVO e em TEMPO REAL. Siga tudo aqui.

GP às 10: Mercedes x Red Bull - a briga agora é motor

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade