PUBLICIDADE

Red Bull mete "ele que lute" e mostra lado tóxico com Pérez, aponta Gabriel Curty

Sergio Pérez já começa a ser alfinetado na Red Bull, e isso não surpreendeu ninguém no Paddock GP #238. Gabriel Curty traça paralelo com casos anteriores na mesma escuderia

12 mai 2021 08h02
| atualizado às 08h56
ver comentários
Publicidade
Sergio Pérez
Sergio Pérez
Foto: Red Bull Content Pool/Getty Images / Grande Prêmio

Sergio Pérez até teve apoio da Red Bull, mas isso não durou muito. Bastou o mexicano abrir a temporada 2021 da Fórmula 1 com corridas abaixo das expectativas que uma nova realidade foi vista: a equipe já cobra evolução e dá sinais de que talvez não seja tão paciente assim. Para Gabriel Curty, comentarista no Paddock GP #238, não é nada novo: a postura é muito parecida com a já vista com Pierre Gasly e Alexander Albon.

Assista ao trecho completo abaixo:

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade