PUBLICIDADE

Red Bull explica diferença de pilotagem que separa Verstappen de Pérez em 2021

Christian Horner, chefe da Red Bull, vê Sergio Pérez melhorando, mas ressalta que ainda há uma grande diferença em relação ao seu companheiro de equipe, Max Verstappen

30 nov 2021 12h12
ver comentários
Publicidade
Max Verstappen juntos no pódio do GP dos EUA
Max Verstappen juntos no pódio do GP dos EUA
Foto: Jared C. Tilton/Getty Images/Red Bull Content Pool / Grande Prêmio

VERSTAPPEN TEM MATCH-POINT CONTRA HAMILTON + LEGADO DE FRANK WILLIAMS NA F1 | Paddock GP  #270

A partir do GP da Turquia de Fórmula 1, Sergio Pérez subiu a três pódios consecutivos, imprimindo um bom ritmo e fazendo aquilo que Christian Horner e Helmut Marko vinham pedindo ao longo de toda a temporada: estar próximo ao seu companheiro de equipe, Max Verstappen. O chefe da Red Bull, inclusive, enfatizou que o mexicano está "muito melhor", mas também explicou onde Pérez ainda está perdendo para o holandês.

"Max está ganhando todo o seu tempo nas curvas de baixa e média velocidade, às vezes, até dois décimos em uma única posição", disse Horner, em entrevista a Auto Motor und Sport. "O eixo traseiro do nosso carro sempre foi brusco durante a frenagem. Max não se importa com isso, mas a maioria perde a confiança e fica inseguro", acrescentou.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Sergio Pérez garantiu três pódios consecutivos na metade da temporada de 2021 (Foto: Red Bull Content Pool)

"Sentamos juntos durante as férias de verão e percebemos que conseguiríamos um Checo melhor se ele se sentisse seguro. A segunda metade da temporada prova que estamos certos. Checo está muito melhor", completou.

O afiado consultor dos taurinos acredita que o dono do carro #11 precise de mais tempo de adaptação. Para ele, é fato que Verstappen será mais rápido em qualquer carro, sendo, portanto, mais fácil para ele.

"Max guia rápido em todos os carros. Coloque qualquer coisa na frente dele e ele estará pronto para ser veloz já na segunda volta", comentou.

O GP da Arábia Saudita está marcado para os dias 3-5 de dezembro.

MERCEDES DEVERIA TROCAR BOTTAS POR RUSSELL NA RETA FINAL DA F1 2021?

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade