PUBLICIDADE

Pérez assume performance abaixo do esperado na Red Bull: "Decepcionei minha equipe"

Ainda com problemas de adaptação ao RB16B, Sergio Pérez afirma que não teve um desempenho destacável até aqui e que se inspira em Max Verstappen para tirar o maior proveito possível do carro da Red Bull

9 mai 2021 10h38
ver comentários
Publicidade
Sergio Pérez ficou apenas com a oitava posição no grid
Sergio Pérez ficou apenas com a oitava posição no grid
Foto: Red Bull Content Pool / Grande Prêmio

Sergio Pérez não tem tido a temporada que a Red Bull esperava até aqui. Enquanto a marca de energéticos torcia para que o mexicano tivesse um desempenho melhor do que o de seus antecessores, o piloto de 31 anos ainda fica muito aquém dos tempos de Max Verstappen.

Às vésperas da quarta etapa do campeonato, o próprio piloto vê necessidade de melhorar o desempenho, ainda mais depois da classificação no GP da Espanha, em Barcelona, em que chegou ao Q3, mas ficou apenas no oitavo lugar.

"Especialmente na encharcada pista de Ímola foi uma oportunidade perdida", afirmou Pérez. "Devíamos ter marcado um 1-2 lá, mas eu estraguei tudo. Todo mundo cometeu erros, mas meus deslizes foram os mais caros. Isso doeu. Eu sei como os mecânicos trabalham duro. Eu decepcionei minha equipe."

Sergio Pérez teve bons momentos, mas ainda não conseguiu se aproximar dos tempos de Verstappen
Sergio Pérez teve bons momentos, mas ainda não conseguiu se aproximar dos tempos de Verstappen
Foto: Red Bull Content Pool / Grande Prêmio

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Como os demais pilotos, Pérez teve pouco tempo para se acostumar com o carro no início do ano: "Temos muito pouco tempo de teste e não preciso explicar o quão forte é meu companheiro de equipe. Max sempre sai 110% do carro. Tenho que me certificar de que estou por perto", declarou.

Pérez já afirmou que o que sempre fez nos dias de corrida em seus anos de Force India/Racing Point não dá certo aos domingos no carro da Red Bull. Por isso, ele tem um norte: se inspira em Verstappen. O objetivo é tirar tudo que o RB16B oferece, como faz o companheiro de equipe.

"É inútil fazer as coisas de forma completamente diferente. Aí perderíamos o nosso rumo. Muitas coisas estão indo bem. Na minha segunda corrida pela Red Bull, eu já me classifiquei na primeira linha. Inacreditável", concluiu.

Pérez é o sexto colocado do Mundial de Pilotos após três corridas: tem 22 pontos. Além de Verstappen e da dupla da Mercedes, está atrás ainda de Lando Norris e Charles Leclerc.

GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do GP da Espanha de Fórmula 1 AO VIVO e em TEMPO REAL.

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade