PUBLICIDADE

Norris sai em defesa de Mazepin após batida no GP do Bahrein: "Não precisam odiá-lo"

Lando Norris saiu em defesa das críticas que Nikita Mazepin recebeu pelo acidente na largada do GP do Bahrein. Piloto da McLaren sugeriu que fãs também deveriam odiar Mick Schumacher por ter rodado sozinho

12 abr 2021
0comentários
Publicidade
Como ficou o carro de Mazepin
Como ficou o carro de Mazepin
Foto: Reprodução/Twitter / Grande Prêmio

Após a estreia relâmpago e desastrosa na Fórmula 1, o russo Nikita Mazepin ganhou a defesa de um companheiro de grid. Em live recente na Twitch, Lando Norris, da McLaren, ameaçou banir espectadores que tiravam sarro do acidente do piloto da Haas em apenas três curvas no GP do Bahrein, disputado no último dia 28.

Norris, que fechou a corrida em Sakhir na quarta colocação, também ofereceu uma explicação do incidente do piloto russo, e acredita que o carro da Haas foi o principal culpado pela saída rápida de Mazepin da corrida.

"Não precisam odiá-lo pela rodada, certo? Vou começar a banir. É meio difícil, acho que muito disso acontece por ter sido a primeira corrida dele e com 18 carros na frente", comentou Lando.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Lando Norris no GP inaugural da temporada 2021 da Fórmula 1, no Bahrein
Lando Norris no GP inaugural da temporada 2021 da Fórmula 1, no Bahrein
Foto: Beto Issa / Grande Prêmio

Após largar de 19º, Mazepin perdeu o controle sozinho na saída da curva 3 e parou no muro, durando menos de 25 segundos em sua primeira corrida na Fórmula 1. O acidente causou a entrada do safety-car e foi a estreia mais rápida da Fórmula 1 desde Felipe Massa e Allan McNish, que bateram na largada do GP da Austrália de 2002.

"Tinha muita turbulência e ele provavelmente tinha pouco downforce naquele ponto, porque todo o ar estava sendo puxado por todos os carros na frente. Ele corrigiu muito, foi tudo tão rápido que foi difícil salvar, eu diria. Não tinha muito que ele pudesse ter feito, é complicado. Um pouco ambicioso demais no acelerador? Olhando para trás, sim, mas é a combinação de ser um trecho complicado e o carro não tornando as coisas tão fáceis para ele também. Quanto pior o carro que você tem, é mais fácil você rodar", seguiu Lando, explicando a culpa do carro no acidente.

Ainda acompanhando os melhores momentos da corrida, Lando chamou atenção para a rodada de Mick Schumacher, companheiro de Mazepin na Haas, durante a relargada após a introdução do safety-car, e sugeriu que os espectadores odiassem o alemão de forma igual ao russo.

"Vocês vão odiar o Mick também por ele ter rodado? Vocês vão ficar com 'haha, engraçado, bela rodada'? Vamos ser iguais, certo? Vamos lá pessoal, comecem a odiá-lo também", concluiu Norris, de forma irônica.

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade