0

Massa vê jejum de títulos como fator para mau desempenho da Ferrari

15 out 2018
16h00
  • separator
  • comentários

A segunda metade do campeonato mundial de Fórmula 1 deste ano não está sendo boa para Ferrari. O desempenho da equipe caiu e Sebastian Vettel viu seu rival na busca pelo título, Lewis Hamilton, disparar e abrir 67 pontos de frente. Para Felipe Massa, que defendeu a equipe por oito temporadas, um dos motivos é a pressão por títulos.

Desde 2007, quando Kimi Raikkonen foi campeão, a Ferrari não levantou mais nenhum troféu. No ano seguinte, inclusive, o próprio Massa chegou muito perto, mas acabou sendo superado por Hamilton por apenas um ponto.

"Ganhamos o título em 2007 e, depois, já a partir de 2008, tivemos alguns problemas. E nunca a equipe voltou a vencer um título. Quando deixei a Ferrari em 2013 sentia a mesma coisa que acontece hoje. A equipe sente a pressão para vencer e, por isso, tem tantos problemas", explicou.

A fórmula do sucesso, no entendimento de Massa, passa por tranquilidade: "A Ferrari precisa estar preparada e em paz. Todo mundo tem de estar bem concentrado, só faltam pequenos detalhes", opinou.

Por fim, o piloto brasileiro disse ainda que a morte de Sergio Marchionne, ex-presidente da Ferrari, no meio da temporada também afetou o ambiente. "Foi um grande choque porque ele era uma parte importante da equipe, então é compreensível que tenha afetado o rendimento. Agora, a Ferrari precisa reagir e terminar o campeonato da melhor forma possível", concluiu.
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade