PUBLICIDADE

Leclerc vê sentimento de culpa em Norris, mas anima: "Questão de tempo até vencer"

Charles Leclerc e George Russell avaliaram a situação de Lando Norris após o GP da Rússia e mostraram opiniões parecidas sobre a situação do inglês

28 set 2021 09h15
ver comentários
Publicidade
Lando Norris terminou o GP da Rússia na sétima posição, no fim das contas
Lando Norris terminou o GP da Rússia na sétima posição, no fim das contas
Foto: McLaren / Grande Prêmio

COMO HAMILTON VENCEU, VERSTAPPEN FOI 2° E NORRIS SÓ 7° NO GP DA RÚSSIA DE F1

A ferida após a vitória que ficou pelo caminho no GP da Rússia do último fim de semana ainda está aberta para Lando Norris. O inglês lutava para vencer a primeira corrida dele na Fórmula 1 quando a chuva veio e mexeu com tudo. Norris resolveu ficar na pista com pneus de pista seca porque parar significaria voltar atrás de Lewis Hamilton. A vitória caiu por terra. Segundo Charles Leclerc, é provável que o sentimento de Norris seja de culpa.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Leclerc também viu o que seria a primeira vitória na F1 se desmanchar quando parecia certa, no GP do Bahrein de 2019, quando o motor da Ferrari falhou nas últimas voltas. A diferença é que Leclerc, diferente de Norris, não teve nenhuma parcela de participação na escolha sobre o próprio destino naquela ocasião. Mas a glória chegou mais tarde, e Charles espera que o mesmo aconteça com Lando.

"Posso imaginar o que ele está sentindo, porque também é parte do processo de decisão nesse tipo de situações e talvez esteja muito, muito culpado. Mas Lando é um piloto incrível e acho que mostrou muitas vezes nesta temporada. O campeonato dele é muito bom e tenho certeza de que vai aprender com isso", afirmou.

Lando Norris lamentou profundamente o revés no GP da Rússia (Foto: McLaren)

Paddockast #122: 'Schumacher' é documentário incompleto ou foi vítima de expectativas irreais?

"É uma questão de tempo até a primeira vitória dele. Não acho que deva se sentir tão para baixo depois da corrida que fez", opinou.

Amigo de Norris, George Russell também foi na linha de Leclerc. Aliás, Russell, assim como o monegasco, também sabe como é a sensação de perder uma corrida assim: no Bahrein - também! -, em 2020, quando defendia a Mercedes, liderava confortavelmente até um erro da equipe no pit-stop e um pneu furado na sequência.

"É o pior pesadelo de todos os pilotos liderar uma corrida e começar a ver chuva no retrovisor. Você está perdido se entrar nos boxes e perdido senão entrar. É uma posição de derrota-derrota. Já aconteceu comigo, machuca, mas ele vai se recuperar", falou.

"Acho que temos de tentar tirar os pontos positivos. Ele vai conquistar uma vitória mais cedo ou mais tarde", finalizou.

A próxima chance de Norris é em duas semanas, no GP da Turquia, em Istambul, entre os dias 8-10 de outubro.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

HAMILTON VENCE, MAS MERCEDES SENTE REAÇÃO DE VERSTAPPEN NA F1 2021 | Paddock GP #258

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade