PUBLICIDADE

Hamilton volta a liderar, mas fica só 2 pontos à frente de Verstappen. Confira classificação

Lewis Hamilton alcançou uma marca histórica e inédita na Fórmula 1, mas, em termos de campeonato, o grande vencedor do domingo foi Max Verstappen. O piloto da Mercedes voltou a liderar a temporada, mas com a diferença praticamente mínima para o rival

26 set 2021 11h50
ver comentários
Publicidade
Max Verstappen está só 2 pontos atrás de Lewis Hamilton no campeonato
Max Verstappen está só 2 pontos atrás de Lewis Hamilton no campeonato
Foto: Alexander Nemenov/AFP / Grande Prêmio

Lewis Hamilton chegou à Rússia tendo em mente que, com a punição imposta a Max Verstappen, que largou no fim do grid em Sóchi neste domingo (26), teria de aproveitar a chance de ouro e pontuar bem, com vitória e, talvez, dobradinha. O dramático desfecho do GP da Rússia, que tinha toda a cara de triunfo de Lando Norris, teve a chuva como protagonista para premiar Hamilton com o 100º triunfo da sua carreira na Fórmula 1. Só que a mesma chuva ajudou Verstappen a ganhar importantes posições no fim para terminar em 2º lugar. Um feito notável para quem largou em último e, em termos de campeonato, foi um resultado quase de sonho.

Desta forma, na classificação do Mundial de Pilotos depois de 15 GPs disputados nesta empolgante temporada 2021, Hamilton lidera com 246,5 pontos. No entanto, a diferença para Verstappen é de apenas 2 pontos.

Max Verstappen está apenas 2 pontos atrás de Lewis Hamilton no campeonato
Max Verstappen está apenas 2 pontos atrás de Lewis Hamilton no campeonato
Foto: Yuri Kochetkov – Pool/Getty Images / Grande Prêmio

Valtteri Bottas, quinto colocado na corrida dramática deste domingo, sustenta o terceiro lugar no campeonato e tem agora 151 pontos, contra 139 de Norris, o grande nome deste fim de semana em Sóchi. O piloto da McLaren tem 19 tentos de vantagem para Sergio Pérez, que chegou a despontar como um candidato ao pódio, mas foi mais uma vítima da chuva e finalizou só em nono.

Carlos Sainz, piloto da Ferrari, conquistou na Rússia seu terceiro pódio na temporada. O espanhol abriu ligeira vantagem para Charles Leclerc, seu companheiro de equipe, e tem agora 112,5 pontos, contra 104 do monegasco. Daniel Ricciardo, quarto colocado neste domingo, soma agora 95 pontos, enquanto Pierre Gasly, fora do top-10, estacionou em 95 pontos. E Fernando Alonso, outro que mostrou até que poderia buscar um troféu, é o décimo, com 58 tentos, depois de ter finalizado a corrida deste domingo em sexto.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

No Mundial de Construtores, a Mercedes abriu 33 pontos para a Red Bull na liderança do Mundial: agora, o placar aponta 397,5 pontos para os heptacampeões mundiais, contra 364,5 da rival dos energéticos.

A McLaren tem agora 234 pontos e segue em terceiro, contra 216,5 da Ferrari, na quarta colocação. A Alpine ocupa o quinto lugar e tem 103 pontos, à frente da AlphaTauri, com 84, e da Aston Martin, com 59.

A Williams somou mais 1 ponto nesta temporada com George Russell, décimo neste GP da Rússia, e tem 23 tentos, contra 7 da Alfa Romeo, que alcançou sua maior pontuação no campeonato graças ao oitavo lugar de Kimi Räikkönen neste domingo. A Haas, portanto, é a única equipe ainda zerada no campeonato.

HAMILTON, 100 VITÓRIAS NA F1! VERSTAPPEN, 2°! NORRIS, PECADO! A ANÁLISE DO GP DA RÚSSIA | Briefing

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade