PUBLICIDADE

Hamilton defende Bottas: "É preciso deixá-lo em paz"

Lewis Hamilton saiu em defesa de seu companheiro de Mercedes, Valtteri Bottas, durante coletiva de imprensa do GP da Espanha de Fórmula 1

7 mai 2021 04h17
| atualizado às 08h14
ver comentários
Publicidade
Lewis Hamilton teve um 2020 inesquecível
Lewis Hamilton teve um 2020 inesquecível
Foto: Mercedes / Grande Prêmio
 
Lewis Hamilton saiu em defesa de seu companheiro de Mercedes, Valtteri Bottas, que vem sofrendo com críticas e rumores a respeito de uma possível substituição na equipe. Para o heptacampeão mundial, as críticas ao finlandês são precipitadas e o trabalho do piloto do carro #77 ao longo dos últimos anos pelo time alemão deve ser exaltado.

O posicionamento do multicampeão se dá após um dia conturbado para Valtteri, alvo do britânico 'Daily Mail', que ventilou uma possível troca do finlandês por George Russell ainda durante este 2021. Rumor que imediatamente foi negado por Toto Wolff e desdenhado pelo próprio Bottas.

 

Hamilton, que divide as garagens da Mercedes com o nórdico desde 2017, após a aposentadoria de Nico Rosberg, levantou a consistência do trabalho que realiza com o colega, tendo conquistado quatro Mundiais de Construtores para a equipe no período, como argumento para defendê-lo.

"Creio que formamos a melhor dupla atualmente em termos de entrega, de equilíbrio em nossa equipe e em termos gerais de desenvolver nosso carro", disse Lewis na entrevista coletiva do GP da Espanha, que acontece neste fim de semana.

"Eu não ficarei aqui para sempre, Valtteri não ficará aqui para sempre, mas, no momento, nós temos cumprido o serviço várias vezes ao longo dos anos e continuamos a fazê-lo", analisou.

Valtteri Bottas e Lewis Hamilton são companheiros de equipe desde 2017
Valtteri Bottas e Lewis Hamilton são companheiros de equipe desde 2017
Foto: LAT Images/Mercedes / Grande Prêmio
 

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

A respeito do desempenho aquém de Bottas no campeonato, que no momento se encontra na quarta colocação do Mundial de Pilotos com 32 pontos, Hamilton projetou evolução para o finlandês e enxergou como descabida as cobranças sobre Bottas, disparando contra os críticos.

"Em algum ponto, isso vai mudar", seguiu. "Valtteri acabou de anotar a pole-position na última corrida, é apenas a quarta corrida. Acho que as pessoas têm de deixá-lo em paz. Deixar focar no que está fazendo", concluiu.

 
Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade