PUBLICIDADE

Dupla da McLaren admite derrota em Austin, mas mantém cabeça em "resposta" à Ferrari

Daniel Ricciardo e Lando Norris não foram mal com a McLaren no sábado, mas terminaram atrás dos rivais da Ferrari. Plano é reagir

23 out 2021 22h23
ver comentários
Publicidade
Daniel Ricciardo larga em sexto no GP dos EUA
Daniel Ricciardo larga em sexto no GP dos EUA
Foto: McLaren / Grande Prêmio

F1 NOS EUA: TUDO SOBRE A CLASSIFICAÇÃO E O GRID DE LARGADA EM AUSTIN | Briefing

A McLaren teve um dia de derrota neste sábado (23). Na classificação para o GP dos Estados Unidos, Daniel Ricciardo e Lando Norris terminaram atrás de Charles Leclerc e Carlos Sainz, a dupla da Ferrari, rival pelo terceiro lugar no Mundial de Construtores. O que não significa que a McLaren rendeu mal, apenas foi superada pela rival. O trabalho agora é contra-atacar.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Ricciardo lamentou o fato da pista não melhorar como imaginava antes da classificação e reforçou: a volta que fez era o que tinha disponível. Assim, ele e Norris largam em sexto e sétimo - com uma posição de graça após a punição de Valtteri Bottas.

"As duas voltas do Q3 foram bem próximas de Sainz. Fiquei feliz de largar do lado limpo do grid, mas lembrei que Bottas tem uma punição… O que eu gostei mais foi do Q1, o carro estava muito bom e foi dificultando ao longo da atividade. A pista não melhorou tanto conforme a classificação foi avançando", avaliou o #3 da McLaren.

"Senti que eu estava lutando mais. A última volta foi ok, considerando que estava difícil dar uma volta perfeita com as condições da pista, [a volta] foi limpa o bastante. Não acho que tinha mais 0s2 ou 0s3 para tirar. Claro que algumas pequenas margens fazem pensar que dava para alcançar Sainz, mas, além disso, Charles não estava ao nosso alcance", pontuou.

Lando Norris sai no sétimo lugar (Foto: McLaren)

Paddockast #126: F1 anuncia calendário recorde para 2022. Aonde isso vai parar?

"Temos uma batalha com a Ferrari, mas eles nos pegaram hoje. Mas Sainz larga de pneus macios amanhã, então espero que possamos responder", falou.

Norris deixou ainda mais claro que não estava feliz em perder para os rivais.

"Não estou muito satisfeito com o resultado por dois motivos: um, acho que dava para fazer uma volta melhor, e dois, estamos atrás da Ferrari. Não é o que queríamos para hoje, mas vamos tentar dar o troco amanhã", falou.

"Vamos largar de pneus médios e uma das Ferrari [Sainz] de macios, então talvez dê para tirar vantagem e terminar na frente deles. Vamos trabalhar em nossa estratégia durante a noite de hoje para termos certeza de que teremos essas oportunidades amanhã", encerrou.

O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do GP dos Estados Unidos AO VIVO e EM TEMPO REAL. A largada do domingo está marcada para as 16h (de Brasília).

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade