PUBLICIDADE

Dupla da Alpine vibra com ida de 'mala e cuia' ao Q3 e vê largada chave na Hungria

Fernando Alonso e Esteban Ocon comemoraram o fato da Alpine voltar a participar do Q3 com os dois carros. Ambos querem muito do domingo

31 jul 2021 13h41
ver comentários
Publicidade
Alonso larga em nono na Hungria
Alonso larga em nono na Hungria
Foto: Alpine / Grande Prêmio

Após uma sequência de dificuldades em treinos de classificação, Fernando Alonso e Esteban Ocon passaram juntos ao Q3 deste sábado (31), na Hungria. É algo que não acontecia desde o GP da Espanha. Os dois vibraram com a pequena conquista da Alpine e mostraram certo otimismo para a corrida do domingo.

Alonso esteve menos contente, porque acreditou que conseguiria fazer mais que a nona colocação no Q3. De qualquer maneira, a expectativa está na largada de amanhã. Se ganhar posições, afinal, será possível mantê-las numa pista tão complicada para ultrapassagem.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

"Estou feliz com o dia. Não sabíamos qual seria o nível de competitividade neste circuito, então entrar no Q3 com os dois carros pela primeira vez em algum tempo é muito bom. Talvez desse para ficar um pouco à frente, depois do que vimos no Q2, mas houve uma certa inconsistência no comportamento entre os jogos de pneus", falou.

"Vamos tentar terminar o trabalho amanhã - a largada será um grande fator e, depois, temos de tentar consolidar a posição que tivermos, porque é muito difícil ultrapassar aqui. Temos uma grande chance de marcar pontos com os dois carros, e essa é claramente a meta para amanhã", finalizou.

Esteban Ocon foi ao Q3 em Hungaroring
Esteban Ocon foi ao Q3 em Hungaroring
Foto: Alpine / Grande Prêmio

Paddockast 114 | Às vésperas das férias, mercado de pilotos para F1 2022 ferve: quem fica e quem sai

Ocon, oitavo colocado no grid, pensa diferente do companheiro de Alpine quanto ao Q3: gostou mais que a parte anterior do treino.

"Foi legal, porque já fazia um tempo que eu não ia ao Q3. Conseguimos acertar tudo e entendemos muita coisa ao longo da sessão, o que é ótimo. Não estávamos onde queríamos no Q2, mas conseguimos avançar e juntamos tudo no Q3. Estou feliz, porque é uma pista que eu gosto muito, foi uma boa sessão da equipe", disse.

"Amanhã será complicado, claro, porque estará quente de novo. É difícil ultrapassar aqui, mas estamos numa boa posição de largada, o que é importante, e a meta é ganhar mais posições e marcar quantos pontos for possível", afirmou.

O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do GP da Hungria AO VIVO e EM TEMPO REAL. No domingo, a largada está marcada para as 10h (de Brasília).

TEM MAIS GUERRA NA F1! HAMILTON SEGURA VERSTAPPEN E É POLE DO GP DA HUNGRIA | Briefing

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade