PUBLICIDADE

Confira declarações dos pilotos após classificação do GP da Rússia de F1 2021

Lando Norris apareceu nos segundos finais de uma bagunçada classificação e fez a pole-position para o GP da Rússia. Lewis Hamilton larga apenas em quarto depois de dois erros, enquanto Max Verstappen parte no fim do grid

25 set 2021 15h15
| atualizado às 15h29
ver comentários
Publicidade
Lando Norris conquistou a pole-position para o GP da Rússia
Lando Norris conquistou a pole-position para o GP da Rússia
Foto: AFP / Grande Prêmio

A zebra novamente pintou na Fórmula 1, dessa vez no GP da Rússia. Em uma classificação que começou com a pista molhada e terminou com pilotos usando pneus slicks, Lando Norris cravou a primeira pole-position da carreira com o tempo de 1min41s993. Carlos Sainz foi a outra grande surpresa, 0s517 atrás, fechando a primeira fila do grid.

George Russell novamente andou bem com a pista molhada e ficou com a terceira posição. Lewis Hamilton errou duas vezes, bateu na entrada dos boxes e depois rodou na pista, ficando apenas com o quarto lugar.

Daniel Ricciardo e Fernando Alonso formam a terceira fila do grid. Valtteri Bottas, Lance Stroll, Sergio Pérez e Esteban Ocon completam o top-10 no circuito russo.

Lando Norris conquistou a pole-position para o GP da Rússia (Foto: AFP)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Líder do campeonato, Max Verstappen sequer marcou uma volta rápida e, por conta da troca de unidade de potência, larga no fim do grid. Nicholas Latifi e Charles Leclerc, igualmente punidos, também saem nas últimas posições.

O GP da Rússia tem largada prevista para 9h (horário de Brasília, GMT-3) deste domingo. A previsão da meteorologia é para um dia de sol e calor em Sóchi. O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo sempre AO VIVO e em TEMPO REAL.

Confira as declarações dos pilotos após a classificação em Sóchi:

Lando Norris, pole-position: Norris vibra com pole em "classificação maníaca" na Rússia e brinca: "Um menino feliz"

Carlos Sainz, segundo: Sainz se anima com 2° lugar em Sóchi, mas se preocupa com largada: "Preciso estudar"

George Russell, terceiro: Russell vibra com top-3 no grid em "loucura" na Rússia e avisa: "Não temos nada a perder"

Lewis Hamilton, quarto: Hamilton admite erro em batida nos boxes em Sóchi: "Não se espera isso de um campeão"

Daniel Ricciardo, quinto: 5º, Ricciardo diz que estava "mentalmente preparado" para andar na chuva em Sóchi

Fernando Alonso, sexto: Alonso se surpreende com sexto lugar em classificação "estressante demais" na Rússia

Não deu para Hamilton de novo. Apenas a quarta posição no grid (Foto: Mercedes)

Valtteri Bottas, sétimo: Bottas lamenta demora em troca para pneus slicks e 7º no grid na Rússia: "Não é o ideal"

Lance Stroll, oitavo: "Estou feliz por termos chegado ao Q3, e o oitavo lugar na largada é uma boa posição para lutar por pontos amanhã. Demos um bom passo em frente na comparação com ontem, e a equipe fez um bom trabalho em condições desafiadoras. No entanto, acho que havia mais coisas em jogo na última volta. O que mais atrapalhou a volta foi o tráfego no último setor [causado por Sergio Pérez], e meu tempo de volta foi prejudicado durante a frenagem nas curvas 13, 14 e 15. Tive também problemas com Daniel [Ricciardo] na minha frente no Q1. Foi um pouco frustrante, mas vamos olhar para amanhã agora. Vamos ter um longo trecho até o primeiro ponto de frenagem, e tem muito vácuo aqui. Vamos ver, então, o que vai acontecer no domingo."

Sergio Pérez, nono: "As coisas pareciam muito promissoras, e tivemos um bom Q1 e um bom Q2. Mas com as mudanças nas condições do clima e da pista, o timing é importante. Olhando para trás, poderíamos ter tentado colocar pneus slicks uma volta antes. Como sabemos, tudo pode acontecer na corrida, e um aspecto positivo sobre hoje é que o carro esteve muito bem no molhado. Vamos avançar de forma otimista para domingo: o principal objetivo será fazer uma boa largada e, depois, fazer a melhor corrida possível."

Esteban Ocon, décimo: "Estou um pouco frustrado com a classificação hoje, já que não conseguimos tirar o melhor no Q3 com a mudança das condições. No fim das contas, não conseguimos colocar os pneus certos na hora certa no Q3 e perdemos duas tentativas de volta rápida com os macios no final. Definitivamente, havia potencial para [buscar] mais de um décimo hoje, já que gosto dessas sessões em condições desafiadoras. Do lado positivo, temos os dois carros largando entre os dez primeiros, de modo que não é uma posição ruim para a largada. Parece que vai ser seco amanhã, mas sejam quais forem as condições, estaremos prontos."

Sebastian Vettel, 11º: Vettel lamenta queda no Q2 e 11° lugar no grid em Sóchi: "Poderia ser um bom resultado"

Gasly ficou bem irritado com a AlphaTauri após a classificação (Foto: Red Bull Content Pool)

Yuki Tsunoda, 13º: "Estou bem satisfeito com o dia hoje. Passei para o Q2, o que é um avanço para mim, especialmente depois de ontem. Meus mecânicos trabalharam duro ontem à noite para colocar o carro numa posição melhor para a classificação hoje, e eu me senti um pouco mais confiante no carro. Obviamente, as condições eram completamente diferentes dos treinos de ontem, mas esperamos ver mais melhorias amanhã, no seco."

Kimi Räikkönen, 14º: "As condições não eram tão ruins lá fora, mas nos faltou um pouco de aderência. O equilíbrio do carro estava bom, mas estivemos no limite o tempo todo e, quando você passa desse limite, tudo acontece muito rápido. Quanto mais voltas completávamos, melhor ficava, mas no fim das contas simplesmente não conseguimos tirar mais proveito do carro. Vamos tentar nosso melhor amanhã e ver onde podemos terminar."

Mick Schumacher, 15º: "Estava esperando uma aparição no Q2, seria ótimo. A volta rápida foi ok, mas acho que cometi alguns erros e talvez dois ou três décimos me levariam para o Q2. Pelo menos, estava próximo. Um pouco frustrado, mas muito feliz porque fizemos um grande trabalho como equipe. Amo isso, são as melhores condições, honestamente. Você entra na água fria e é o mais rápido da pista se encontrar o melhor caminho. Sempre gostei, mesmo no passado e espero que tenha um pouco de chuva amanhã."

Antonio Giovinazzi, 16º: "Foi um dia decepcionante, em que não conseguimos mostrar todo nosso potencial. Tive um problema com os freios, o que dificultou a pilotagem, especialmente no molhado e sem termos feito o terceiro treino livre. Precisamos entender o que aconteceu e ajustar isso para termos um dia melhor amanhã. Precisamos ver que clima vamos ter e aí focar no nosso trabalho. Vamos ter carros mais rápidos à nossa volta porque vão largar da parte de trás [Charles Leclerc e Max Verstappen]. Vamos precisar ficar longe dos problemas e ver como podemos avançar."

Mick Schumacher mais uma vez não avançou para o Q2 (Foto: Haas)

Nikita Mazepin, 17º: "No geral, a sessão estava indo bem. Não estava certo do que estávamos fazendo porque senti que os pneus precisavam de mais voltas [para aquecer] do que em Spa. Quando finalmente encontrei o equilíbrio ideal, fiz uma volta decente e voltei para os boxes. Realmente, eu estava sofrendo na pista. Não sei o que teria feito de diferente, mas estava difícil para guiar. Não sei como estará o clima amanhã, mas estamos prontos para pista seca e molhada, vamos só ver o que acontece."

Nicholas Latifi, 18º: "O ritmo foi bem forte hoje. Você nunca sabe como vai ser quando troca os pneus em uma pista molhada, mas quando acionei os freios pela primeira vez pude sentir que a aderência era boa, o que não foi o caso para todo mundo. Mesmo numa pista que estava melhorando consequentemente, a volta que fiz no meio do Q1 foi o bastante para me levar ao Q2. Quando vejo o que foi possível fazer no Q1 me deixa ainda mais frustrado por largar do fim do grid por conta da troca da unidade de potência, mas automobilismo é assim. Vou me esforçar muito amanhã para conseguir o máximo de posições na corrida."

Charles Leclerc, 19º: "Para ser honesto, eu queria ter feito tantas voltas assim com essas condições porque sofríamos muito no passado. Mesmo que sejam apenas poucas voltas, aprendemos muito com o que fizemos hoje. Além disso, fomos muito competitivos nas poucas voltas. Foco é na corrida de amanhã, que não será fácil."

Max Verstappen, 20º: Verstappen prevê GP da Rússia "divertido" por largar no fim do grid e traça meta

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade