PUBLICIDADE

Aston Martin passa por mudanças e corre risco de perder parceria de longa data

Aston Martin tem contrato com a BWT desde 2017, mas decisões tomadas pela equipe britânica — em especial, a cor do modelo AMR21 — indicam encerramento de acordo entre as partes

9 jan 2022 05h02
ver comentários
Publicidade
Nome da BWT estampada no bico da Aston Martin. Detalhes em rosa devem sumir com fim da parceria
Nome da BWT estampada no bico da Aston Martin. Detalhes em rosa devem sumir com fim da parceria
Foto: Aston Martin / Grande Prêmio

RUSSELL CHEGA NA MERCEDES PARA SE TORNAR NOVO BOTTAS OU NOVO HAMILTON?

Patrocinadora da Aston Martin desde 2017, quando a equipe ainda se chamava Force India, a BWT pensa em encerrar a parceria para a temporada de 2022, segundo informações do portal RacingNews365. A colaboração seguiu enquanto a equipe correu sob o nome de Racing Point — inclusive com o carro totalmente rosa, nas cores da empresa —, mas com a troca de nome e a predominância da cor verde no AMR21, o clima azedou entre as partes.

CEO da BWT, Andreas Weissenbacher falou com o portal austríaco Speedweek e deixou clara a insatisfação da corporação com a escolha da Aston Martin pelo verde no modelo de 2021.

"Lawrence Stroll entende que meu coração sangra", comentou. "Se a Aston Martin fosse rosa, a Cognizant ainda ficaria feliz porque o reconhecimento do valor seria muito mais alto. Pensando por um lado de negócios, foi a escolha errada. Historicamente, o verde britânico de corrida é compreensível para muitos, mas não para mim", alegou, antes de explicar que seu argumento se baseia no lado financeiro.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Parceria com a BWT fez Racing Point utilizar carro completamente rosa (Foto: Racing Point)

"A Aston Martin não se sobressai na TV", continuou. "A cor rosa não apenas se tornou nossa marca, mas também adquiriu certa elegância. Meu maior desapontamento foi não conseguir convencer Lawrence Stroll de pintar a Aston Martin de rosa. Não por egoísmo, mas por racionalidade. Porque um carro rosa simplesmente aparece mais e tem um efeito de publicidade muito maior", finalizou.

Companhia austríaca de tratamento de água, a BWT iniciou a parceria com a equipe em 2017, quando ainda se chamava Force India, em acordo que se aprofundou no ano seguinte e elevou a empresa à patrocinadora principal da escuderia. No entanto, Lawrence Stroll decidiu rebatizar a equipe como Aston Martin e adotar a cor tradicional da montadora, o que não agradou à BWT.

Além disso, o posto de patrocinador principal da equipe já não pertence mais à empresa, já que desde o início de 2021, a Cognizant passou a estampar seu nome nos carros da escuderia como 'title sponsor'. Assim, apenas alguns detalhes em rosa puderam ser observados nos monopostos do time para a temporada que se encerrou com o título mundial de Max Verstappen.

Lawrence Stroll promete ganhar um título mundial com a Aston Martin em até 5 anos e transformar equipe em potência (Foto: Aston Martin)

Ainda de acordo com o veículo, alguns rumores apontam para uma parceria futura entre a BWT e a Alpine, que por sua vez, também já foi ligada ao ex-chefe de equipe da Aston Martin, Otmar Szafnauer — que teve sua saída confirmada nesta semana. O dirigente ocupou o posto de líder da escuderia por tempo considerável, de 2009 a 2021, e encarou todas as fases pelas quais a equipe passou ao longo dos anos.

"Nós, normalmente, não discutimos os detalhes de negociações comerciais e contratos em andamento", disse um funcionário da Aston Martin ao RacingNews365. "Nosso portfólio completo de 2022 será apresentado no evento de lançamento do nosso carro no próximo mês", relatou.

A BWT seguirá presente na Fórmula 1 independentemente do que aconteça com a colaboração entre a companhia e a Aston Martin, pois assinou contrato com a categoria para ser sua parceira oficial de tecnologia aquática. Uma das medidas previstas pela empresa é de eliminar completamente o uso de garrafas plásticas no paddock até 2025.

Marca da BWT aparece também ao lado da cabeça do piloto e na lateral traseira do carro (Foto: Aston Martin)

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.
Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade