PUBLICIDADE

Após superar covid, Raikkonen confirma volta no GP da Rússia

Finlandês da Alfa Romeu revelou que está recuperado da doença, que o tirou das duas últimas provas da F1, e fará retorno às pistas em Sochi

13 set 2021 20h14
| atualizado às 22h09
ver comentários
Publicidade

O finlandês Kimi Raikkonen confirmou nesta segunda-feira que estará de volta na próxima corrida da Fórmula 1. Em publicação nas redes sociais, o piloto anunciou que se recuperou da covid-19 e retornará às pistas no Grande Prêmio da Rússia, entre os dias 24 e 26 de setembro.

Kimi Raikkonen confirmou sua volta à Fórmula 1 no GP da Rússia
Kimi Raikkonen confirmou sua volta à Fórmula 1 no GP da Rússia
Foto: Reprodução/@formula1,com

"Está tudo bem comigo, nos vemos no próximo GP!", escreveu o veterano piloto em seu Instagram.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Kimi Räikkönen (@kimimatiasraikkonen)

Raikkonen não participou das últimas duas provas por ter testado positivo para a covid-19. Com isso, precisou ser afastado de sua equipe, a Alfa Romeo, e foi substituído pelo polonês Robert Kubica.

Esta é a última temporada do finlandês na principal categoria do automobilismo. Antes do GP da Holanda, o piloto de 41 anos confirmou que se aposentará da F1, dando fim a uma carreira marcada por mais de 340 corridas e um título mundial, em 2007. Ele terá mais oito corridas a disputar até o término de 2021.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade