0

Após conversa, chefe da McLaren acredita em permanência de Alonso na F1

17 jul 2017
12h21
  • separator
  • comentários

Fernando Alonso segue com futuro incerto na Fórmula 1. O espanhol, que tem tido vários problemas com o carro da McLaren e especialmente com o motor Honda, ainda não tem contrato para a próxima temporada, mas tem poucas opções competitivas fora da equipe inglesa.

Surgiram rumores de que o piloto poderia tirar um ano sabático na F1 e fazer uma temporada na Fórmula Indy para que, assim, pudesse tentar mudar para uma equipe mais competitiva em 2019. Mas, na sexta-feira, o espanhol jantou com os chefes da McLaren para tratar, entre outras coisas, de sua permanência ou não na categoria, e o chefe Zak Brown revelou que o foco de Alonso é na F1 e que ele pretende ficar para a temporada 2018.

"Tivemos um ótimo jantar com Fernando. Nos entendemos bem e ele adora o ambiente na McLaren", afirmou Brown. Sobre a possível ida do piloto para a Indy, ele disse que Alonso adorou a categoria e pretende correr novamente as 500 Milhas de Indianápolis, mas que o espanhol "deixou muito claro que que quer estar na F1 no ano que vem."

Sobre os problemas com o motor Honda, Brown afirmou que essa é uma das prioridades da equipe: "A relação com a Honda segue boa no aspecto pessoal, mas já deixamos bastante claro, e todos hão de concordar, que precisamos de um motor muito mais competitivo no ano que vem". No Grande Prêmio de Silverstone, Alonso mais uma vez abandonou a prova, e seu companheiro, Stoffel Vandoorne, terminou na 11ª colocação.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade