PUBLICIDADE

Ainda em busca de voltar à F1, Albon vira alvo da Nissan na Fórmula E para 2022

Alexander Albon não descarta retornar à Fórmula 1 em 2022, mas vira alvo da Nissan para a próxima temporada da Fórmula E

26 jul 2021 15h02
ver comentários
Publicidade
Alexander Albon espera voltar ao grid em 2022
Alexander Albon espera voltar ao grid em 2022
Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool / Grande Prêmio

Fora da Fórmula 1 desde o fim de 2020, quando perdeu a vaga na Red Bull para Sergio Pérez Alexander Albon já traça planos para a próxima da temporada. Ainda ligado à equipe austríaca e competindo no DTM, o anglo-tailandês busca um caminho de volta à mais importante categoria do esporte a motor, mas reconhece que há poucas vagas disponíveis no grid neste momento.

Em entrevista concedida ao site oficial da Fórmula 1, Albon entende que o mercado de pilotos deu uma esfriada e que ainda é cedo para anúncios. "Não existe muito espaço agora. É assim que funciona o mercado de pilotos da Fórmula 1. Tive sorte quando consegui minha chance", comentou o jovem de 25 anos, que foi alçado da F2 para a F1 por meio da Toro Rosso em 2019, para depois pular para a equipe principal dos energéticos no meio da temporada de estreia. Na época, Alex entrou no lugar de Pierre Gasly, que enfrentava dificuldades no time A dos taurinos.

"Este ano tudo parece parado neste sentido. Se não tem um assento disponível aqui, existem outras equipes que podem fornecer alguma possibilidade. É uma das coisas que você tem que aguardar e ver", afirmou.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Albon voltou a acelerar um carro de F1 após cinco meses, em teste de pneus da Pirelli
Albon voltou a acelerar um carro de F1 após cinco meses, em teste de pneus da Pirelli
Foto: Pirelli / Grande Prêmio

Apesar de desejar uma nova chance na categoria máxima, Albon não deixa de olhar para outros campeonatos. "É relativamente muito cedo ainda no mercado de pilotos. Mas temos de levar em consideração outras categorias, que decidem os assentos antes. Na Fórmula 1, você pode tomar uma decisão entre agosto e novembro, que estará tudo certo. Mas se olhar para outros campeonatos, como Fórmula E e Indy, as temporadas por lá começam antes, logo eles decidem isso antes", disse.

"Por isso você tem que abrir o leque de opções, ter certeza que está a part de tudo, mas isso é complicado. Vamos ver o que acontece", concluiu Albon.

Dentro das possibilidades, Albon vê um interesse da Nissan E. Dams na Fórmula E surgir. Com a saída de Oliver Rowland, o anglo-tailandês é um dos nomes que a equipe monitora para a próxima temporada, segundo o chefe da equipe François Sicard, em entrevista ao site The Race. Recentemente, a esquadra revelou que também tem o ex-Fórmula 1 Daniil Kvyat no radar.

"Obviamente, Albon é um dos que nós consideramos. Ele mantém contato conosco, conversamos regularmente. Ele segue nosso trabalho, estamos próximos do Alex e ele pode ser um dos que podemos escolher. Mas existem outros no páreo e temos que levar em conta que Alex pode ter outras oportunidades",  afirmou Sicard.

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade