PUBLICIDADE

VeeKay diz que Carpenter "tomou decisões certas" na classificação da Indy 500

Rinus VeeKay comentou as mudanças feitas pela equipe no segundo dia de classificação, que o deixaram mais confortável para o Fast 6 em busca da pole-position

24 mai 2022 04h47
ver comentários
Publicidade
Rinus VeeKay vai largar em 3º na Indy 500
Rinus VeeKay vai largar em 3º na Indy 500
Foto: IndyCar / Grande Prêmio

FÓRMULA INDY: HERTA DÁ SHOW NA PISTA MOLHADA E GANHA CONFIANÇA ANTES DA INDY 500

Rinus VeeKay foi um dos destaques da classificação para a 106ª edição das 500 Milhas de Indianápolis. O holandês foi o mais rápido do primeiro dia no sábado, e chegou ao Fast 12 como um dos favoritos para a pole-position. Sua Carpenter só não conseguiu bater as Ganassis de Scott Dixon e Álex Palou, mas VeeKay elogiou os ajustes feitos pela equipe para retirar pressão aerodinâmica e lhe deixar ainda mais confortável no Fast 6.

"Acho que reduzimos a quantidade certa. Se tivéssemos tirado mais, teríamos tido uma queda. Então estou muito feliz com o que fizemos, acho que tomamos todas as decisões certas. Eu estava realmente muito nervoso por hoje. Eu sabia que haviam muitas pessoas contando comigo para a pole position. Fomos muito rápidos ontem", contou Rinus ao site americano Frontstretch após o domingo de classificação.

"Claro, tivemos um pouco de sorte com o sorteio e aí pilotei em condições frias, mas ter que ir duas vezes para a pista hoje não foi o ideal. A primeira corrida, assim como a de Scott [Dixon], foi no limite. Eu manteve o pé no acelerador, mesmo perto de um desastre na curva 4. Então mudamos o carro, tiramos um pouco de downforce para o Fast 6 e chegamos a um equilíbrio mais próximo do que eu gosto. Estava mais confortável na minha volta no Fast 6 do que no Fast 12", explicou o jovem de 21 anos.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

VeeKay liderou o sábado em indianápolis (Foto: Indycar)

VeeKay também brincou sobre outro ajuste feito no carro, desta vez no cinto de segurança, que estava lhe incomodando em uma parte delicada do corpo.

"Eu estava no carro por um bom tempo, nem mesmo dirigindo em um ponto, apenas sentado lá e, bem, as coisas começaram a ficar roxas lá embaixo. Então eu precisava resolver as coisas e ainda bem que posso fazer alguns ajustes! Eu poderia ter feito a classificação assim, mas é mais confortável ter todo o fluxo sanguíneo funcionando bem", disse o piloto da Carpenter.

Com o terceiro lugar no grid, VeeKay repete o seu melhor desempenho em classificação para a Indy 500. Seu melhor resultado na prova em dus participações até aqui é um oitavo lugar em 2021. As 500 Milhas de Indianápolis de 2022 acontecerão no próximo domingo, dia 29 de maio.

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade