0

Penske acerta com McLaughlin no quarto carro na final da temporada em St. Pete

Após longa espera, Scott McLaughlin finalmente vai estrear na Indy em 2020. O piloto neozelandês, atual bicampeão do Supercars, ganhou oportunidade para correr pela Penske na última etapa do ano, em St. P

17 set 2020
18h28
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Scott McLaughlin vai estrear na Indy em St. Pete, etapa que fecha o calendário 2020
Scott McLaughlin vai estrear na Indy em St. Pete, etapa que fecha o calendário 2020
Foto: Penske / Grande Prêmio

A Penske anunciou, nesta quinta-feira (17), a estreia de Scott McLaughlin para o GP de São Petersburgo, que encerra a atual temporada da Indy, no dia 25 de outubro.

Atual bicampeão e também líder da tabela de pontos do Supercars, torneio de carros turismo na Austrália e na Nova Zelândia, McLaughlin tinha sua estreia na Indy prevista para a etapa no misto de Indianápolis, no início de maio. Com a pandemia de Covid-19, no entanto, o campeonato foi adiado, assim como os compromissos do piloto de 27 anos.

No início do ano, McLaughlin participou dos testes de pré-temporada com a Penske, em Austin e no Texas, sempre andando entre os primeiros colocados, além de uma sessão separada em Sebring.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Scott McLaughlin testou no Texas antes do campeonato — e da pandemia de Covid-19 (Foto: Penske)

"Isso [a estreia na Indy] é algo que não parei de pensar, mas quero garantir meu foco de conquistou o terceiro título seguido no Supercars. Estamos muito focados e ainda vou esperar três etapas, mas estou empolgado por finalmente fazer minha estreia na Indy". afirmou.

"Fiz de tudo para me manter ligado na categoria, desde assistir corrida até conversar com pilotos e engenheiros da Penske. Não sabia quando voltaria ao carro por causa das restrições sanitárias, mas queria estar pronto para a oportunidade", disse o neozelândes no comunicado divulgado pela equipe.

Tim Cindric, presidente da Penske, também comentou a estreia de McLaughlin ainda na temporada 2020. "A Covid-19 com certeza alterou nossos planos, com a maneira que os calendários estavam alinhados. São Petesburgo mostrou-se uma oportunidade e ainda estamos dispostos a oferecê-lo uma chance na Indy. Sabemos que o Scott está pronto para a o desafio", declarou.

A etapa de São Petesburgo, que anteriormente abriria a temporada 2020 da Indy, agora vai sediar o encerramento do cronograma. A corrida no circuito de rua da cidade localizada no estado da Flórida está prevista para 25 de outubro.

Veja também:

Veja os maiores campeões das ligas nacionais por país
Grande Prêmio
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade