PUBLICIDADE

Palou elogia McLaughlin após disputa por vitória em Mid-Ohio: "Foi perfeito"

Álex Palou pressionou Scott McLaughlin em busca da vitória em Mid-Ohio, mas não conseguiu uma boa oportunidade para ultrapassar o rival e terminou na segunda posição pela terceira vez na temporada

4 jul 2022 - 15h57
Ver comentários
Publicidade
Álex Palou pressionou Scott McLaughlin até o final em Mid-Ohio
Álex Palou pressionou Scott McLaughlin até o final em Mid-Ohio
Foto: IndyCar / Grande Prêmio

CONTRATO SEM CATEGORIA MOSTRA QUE ROSENQVIST É PLANO B DA MCLAREN NA INDY

Álex Palou segue sem vencer na temporada de 2022 da Indy. O atual campeão da categoria pressionou o neozelandês Scott McLaughlin até o final do GP de Mid-Ohio no último domingo (3), mas acabou terminando na segunda colocação pela terceira vez no ano. O espanhol estava perto de assumir a ponta após a primeira rodada de pit-stops, mas uma bandeira amarela acabou favorecendo o piloto da Penske. Mesmo sem o triunfo, Palou comemorou o bom resultado em Lexington.

"Fiquei super feliz, tínhamos um carro rápido. A Honda nos deu tudo o que precisávamos hoje com o combustível. É por isso que fomos capazes de parar cedo e fazer o undercut funcionar. Foi uma pena termos essa bandeira amarela porque estávamos na frente por dois segundos quando passamos pela saída dos boxes", explicou o espanhol.

"De qualquer forma, são as mesmas regras para todos. Mas é bom estar de volta aqui, bom lutar até o fim. É super difícil passar aqui, pelo menos se você estiver na mesma estratégia de pneus. Acho que fomos um pouco mais rápidos, mas não consegui passar o Scott [McLaughlin]. Ele também fez uma corrida incrível", afirmou Álex.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Álex Palou terminou pela terceira vez em segundo em 2022 (Foto: IndyCar)

Palou terminou a corrida a menos de um segundo de McLaughlin. Essa foi a segunda vez no ano que os dois terminaram nas primeiras posições, repetindo o resultado de St. Pete, na abertura da temporada de 2022 da Indy. O espanhol revelou que até pensou em tentar uma manobra mais ousada, mas que, mesmo sem conseguir a ultrapassagem sobre Scott, teve uma tarde divertida.

"Acho que tínhamos um carro rápido, mas aqui é difícil passar com os mesmos pneus sem ele cometer um erro. Ele foi perfeito hoje. Eu estava tentando forçá-lo para ter pelo menos uma chance. Tivemos duas ou três oportunidades na curva 4, mas eu estava do lado de fora e não estava realmente lado a lado, então pensei que não era a melhor opção", contou Palou.

Álex Palou em ação durante o GP de Mid-Ohio (Foto: IndyCar)

"Acho que fizemos o melhor com o que tínhamos hoje, não deixamos nada, como fizemos no circuito misto em Indianápolis, por exemplo. Isso foi frustrante. Hoje foi divertido. Sinto que sempre que subi ao pódio pressionei o cara da frente até a última volta, algo que aconteceu em St. Pete, Barber e aqui", concluiu o piloto da Ganassi.

Com o quarto pódio no ano, Palou chegou a 286 pontos e diminuiu a diferença para Marcus Ericsson, líder da Indy, para 35 pontos. A categoria retorna agora no dia 17 de julho, para o GP de Toronto, com cobertura completa do GRANDE PRÊMIO.

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade