PUBLICIDADE

Castroneves elogia carro "consistente" e celebra top-10 "fantástico" em Mid-Ohio

O brasileiro Helio Castroneves agradeceu o trabalho da Meyer Shank e destacou que seu carro estava muito bom nas relargadas, algo que foi funadamental para terminar o GP de Mid-Ohio em oitavo

3 jul 2022 - 19h21
Ver comentários
Publicidade
Helio Castroneves voltou ao top-10 em Mid-Ohio
Helio Castroneves voltou ao top-10 em Mid-Ohio
Foto: IndyCar / Grande Prêmio

CONTRATO SEM CATEGORIA MOSTRA QUE ROSENQVIST É PLANO B DA MCLAREN NA INDY

Helio Castroneves obteve seu segundo melhor resultado da temporada de 2022 da Indy neste domingo (3) com um oitavo lugar no GP de Mid-Ohio. Largando em 15º após ser atrapalhado por Will Power na classificação, o brasileiro aproveitou as relargadas e a boa estratégia da Meyer Shank para ganhar posições e terminar apenas pela terceira vez em nove provas entre os dez primeiros.

"Foi uma boa estratégia da equipe, o carro não era o mais rápido de todos, mas estava muito consistente. Nós chegamos a um platô, mas você continua e fomos capazes de atacar e defender. As amarelas não vieram em bons momentos, mas acabram ajudando por conta das relargadas, meu carro estava muito bom nas relargadas, eu tinha um ótimo acerto", elogiou Castroneves após o GP de Mid-Ohio.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Helio Castroneves elogiou o carro da Meyer Shank nas relargadas em Mid-Ohio (Foto: IndyCar)

O melhor resultado de Helinho até aqui tinha sido um sétimo lugar nas 500 Milhas de Indianápolis, prova da qual é recordista de vitórias com quatro no total. Depois de uma corrida frustrante em Road America e um abandono em Detroit, o brasileiro finalmente conseguiu os pontos que desejava. "Nós precisávamos de pontos e conseguimos aqui hoje, um top-10 fantástico e agora vamos para a próxima", concluiu.

O neozelandês Scott McLaughlin, da Penske, venceu o GP de Mid-Ohio após segurar Álex Palou, da Ganassi, nas voltas finais. Com o resultado, Castroneves ocupa atualmente a 16ª posição na classificação de pilotos da Indy. O sueco Marcus Ericsson, da Ganassi, segue na liderança, com uma vantagem de 20 pontos para Will Power, da Penske.

A Indy retorna no dia 17 de julho, para o GP de Toronto, com cobertura completa do GRANDE PRÊMIO.

CINCO PONTOS PARA PRESTAR ATENÇÃO NA SEGUNDA METADE DA INDY 2022

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.
Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade