PUBLICIDADE

Após batida, Carpenter deixa VeeKay fora da sexta-feira de testes em Indianápolis

Rinus VeeKay foi liberado pelos médicos para andar na sexta-feira, mas Carpenter optou por deixar o piloto de fora para não correr riscos de danificar carro que será utilizado em Barber

9 abr 2021
0comentários
Publicidade
Rinus VeeKay ficou ausente nesta sexta-feira
Rinus VeeKay ficou ausente nesta sexta-feira
Foto: Indycar / Grande Prêmio

A Indy realiza o segundo dia de teste aberto em Indianápolis nesta sexta-feira (9), mas sem o holandês Rinus VeeKay. Após o forte acidente sofrido na última quinta, a equipe Carpenter optou por não colocar o piloto na pista para poupar equipamento, focando apenas nos outros dois carros do time, ocupados pelo chefe Ed Carpenter e por Conor Daly.

VeeKay perdeu a traseira do carro #21 e atingiu o muro da curva 1 de Indianápolis com violência. Apesar de quebrar o dedo indicador da mão esquerda, Rinus foi liberado para andar na sexta-feira, mas a Carpenter optou por não colocar o piloto de volta, já que o carro ficou bastante danificado e a segunda opção do time seria utilizar o bólido do GP do Alabama, que acontece na próxima semana e abre a temporada da Indy.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! .

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

O acidente de Rinus VeeKay em Indianápolis
O acidente de Rinus VeeKay em Indianápolis
Foto: Reprodução / Grande Prêmio

"Ele ainda é jovem, e por mais que você avise, as vezes você tem que errar. Já estive nessa posição várias vezes. O bom e o ruim é que ele é um garoto super confiante e habilidoso, e isso te faz errar como hoje, que ele passou um pouco do limite. Foi o primeiro carro na pista e talvez agressivo demais", disse Ed Carpenter à emissora NBC após o acidente.

"Não poste nas redes sociais que você está pronto para a temporada antes dos testes acontecerem", escreveu VeeKay no Twitter. "Um vento chato me pegou de lado e me jogou no muro. Quebrei um dedo, mas estou pronto para voltar. Peço desculpas à equipe. Sei que esses dias eram para conseguir tantas voltas quanto possível e agora estou arrasado porque não vamos conseguir", seguiu.

A próxima oportunidade que VeeKay terá de guiar será em Barber, no dia 18 de abril, na abertura da temporada 2021 da Indy. O piloto ainda passará por uma nova avaliação médica para ser liberado a competir.

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade