0

Vasseur afirma que Leclerc fez um bom trabalho por causa de Ericsson

13 jan 2019
16h53
  • separator
  • 0
  • comentários

Marcus Ericsson pode não ser mais um piloto de Fórmula 1, mas o novo piloto da Ferrari, Charles Leclerc, deve agradecer a seu ex-companheiro de equipe por ajudá-lo em 2018, disse Frederic Vasseur.

Vasseur afirma que Leclerc fez um bom trabalho por causa de Ericsson
Vasseur afirma que Leclerc fez um bom trabalho por causa de Ericsson
Foto: Sauber Team / F1Mania

Na temporada passada, no que viria a ser o último de Ericsson na Fórmula 1, o sueco foi parceiro do piloto novato, Leclerc na Sauber.

Foi Leclerc que conquistou todos os aplausos ao marcar 39 dos 48 pontos da Sauber, com seu melhor resultado sendo um sexto lugar no Grande Prémio do Azerbaijão.

Mas enquanto Ericsson não conseguiu igualar seu companheiro de equipe no placar, o chefe da equipe, Vasseur, acha que Leclerc poderia não ter conseguido o que fez, se não fosse Ericsson ter pressionado muito.

“Acho que Leclerc fez um trabalho muito bom, e ele fez um ótimo trabalho também porque Marcus estava melhorando”, disse Vasseur à Racer.

"Se você considerar Marcus comparado a 2017, acho que ele deu um enorme passo à frente".

"Quando ele chegou à pista em Melbourne, ele estava seis quilos mais leve do que no ano anterior, e desde o começo ele deu um passo à frente a partir de então".

"Mesmo na última parte da temporada, ele estava sempre na mesma volta que Charles".

"Ele estava na frente de Charles em São Paulo, e foi muito útil para Charles também ter alguém como Marcus, como referência".

"Marcus também tem a vantagem de dar um feedback técnico muito bom, o que nos ajudou muito em algumas etapas da temporada a tomar decisões sobre o lado técnico".

"Quando você chega na F1 vindo da F2, não é fácil ter uma referência sobre o desempenho", concluiu Vasseur.

F1Mania
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade