1 evento ao vivo

Thiago Camilo e Gabriel Casagrande travaram disputa duríssima na Corrida do Milhão

25 ago 2019
18h36
  • separator
  • 0
  • comentários

Thiago Camilo não teve o resultado que almejava na Corrida do Milhão - sua quarta vitória na principal prova do automobilismo nacional -, mas abriu a 26ª e última volta num terceiro lugar que cumpria o segundo objetivo: chegar à frente de Daniel Serra, o líder do campeonato, que vinha em quinto.  Entre eles, contudo, estava Bruno Baptista, que cometeu um erro na disputa pelo último degrau no pódio e acabou fazendo os dois ficarem fora.

Thiago Camilo e Gabriel Casagrande travaram disputa duríssima na Corrida do Milhão
Thiago Camilo e Gabriel Casagrande travaram disputa duríssima na Corrida do Milhão
Foto: Carsetn Horst/Hyset / F1Mania

“O Bruno tentou me ultrapassar na abertura da última volta, no Esse do Sena. Me defendi na primeira perna do Esse, na segunda ele cortou caminho por fora da pista e apareceu na minha frente. Tive que frear, e aí o Serrinha, que vinha numa boa distância, se aproximou. O Bruno até viu que tinha errado e devolveu a terceira posição, mas no finzinho o Serrinha deu push e passou nós dois”, disse Camilo, que àquela altura já tinha gastado todos botões de ultrapassagem.

Thiago Camilo largou em terceiro lugar e não tinha o mesmo rendimento dos dois primeiros, Luca Di Grassi e Ricardo Maurício, mas vinha travando uma boa batalha com Gabriel Casagrande, que largou em quinto e passou Daniel Serra, o quarto, logo na primeira volta. Quando a janela de pit stops se abriu, na 12ª volta, a vantagem de Camilo para Casagrande era de três segundos. Casagrande, que não participou da Superpole e por isso tinha mais combustível que Camilo, fez um pit stop mais rápido e saiu colado no piloto da Ipiranga Racing.

“Na segunda metade da corrida o rendimento do carro caiu e o Casagrande era mais rápido. O terceiro lugar, depois da punição ao Di Grassi, era a melhor posição em que eu poderia chegar”.

Ricardo Maurício venceu pela segunda vez a Corrida do Milhão – a primeira foi em 2010 -, com Casagrande em segundo e Daniel Serra em terceiro. Thiago Camilo saltou de quinto para terceiro lugar no campeonato, mas considerou não considerou o resultado positivo. “O objetivo era diminuir a diferença para o líder e não foi alcançado’. A próxima etapa da Stock Car acontece dia 15 de setembro no Velopark (RS), onde Thiago Camilo tem duas 'pole-positions' e uma vitória em três etapas desde que chegou à equipe de Andreas Mattheis,
em 2017.

Bia Figueiredo, companheira de Thiago Camilo na Ipiranga Racing, largou em 25º e estava em 26º após nove voltas, quando o carro entrou em modo de segurança em decorrência de superaquecimento por um furo no radiador.

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – O que um piloto de Fórmula E faz durante as férias?

PORSCHE CUP BRASIL | ETAPA ESTORIL 2019 | MELHORES MOMENTOS:

Fórmula E: Como pilotos e equipes se comunicam:

Eurofarma terá quatro carros e Di Grassi na Corrida do Milhão da Stock Car:

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS:

F1Mania
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade