5 eventos ao vivo

Pré-temporada da IndyCar: Rossi liderou o segundo dia no COTA; Herta foi o mais rápido no combinado

14 fev 2019
11h11
  • separator
  • 0
  • comentários

Colton Herta pareceria dominar também o segundo dia dos treinos da pré-temporada da IndyCar no Circuito das Américas, até que Alexander Rossi assumiu o primeiro lugar em sua penúltima volta, faltando apenas alguns minutos para o final das duas sessões que aconteceram na quarta-feira.

Pré-temporada da IndyCar: Rossi liderou o segundo dia no COTA; Herta foi o mais rápido no combinado
Pré-temporada da IndyCar: Rossi liderou o segundo dia no COTA; Herta foi o mais rápido no combinado
Foto: IndyCar / F1Mania

A volta de 1:46.8535s de Rossi durante a tarde foi 0,1666s mais rápida que o tempo de Herta na sessão, apesar de Herta ter sido o mais rápido no combinado dos dois dias com o tempo de 1:46.6258s.

“Esta pista apenas se adapta muito ao meu estilo de condução”, disse Herta. "A equipe tem trabalhado muito para colocar o carro onde precisa estar. Obviamente, eles fizeram grandes ganhos no inverno comparado ao ano passado, e estamos vendo isso. Realmente robusto trabalho dos 'caras'.

"Fomos mais rápidos esta manhã e P2 por um décimo (de segundo) durante a tarde. E ainda há mais para encontrar. Ainda estamos trabalhando para obter o equilíbrio no frio. Quando estava mais quente, estávamos muito bem, então acho que ficaremos bem para as corridas, já que deve ser mais quente.

"No geral, a equipe fez um ótimo teste. Estou muito feliz com a forma como todos estão trabalhando muito e dedicando muito esforço para que tudo aconteça bem."

Ryan Hunter-Reay terminou na terceira posição para a Andretti, com 1:47.1757s, seguido pelo estreante da Chip Ganassi Racing, Felix Rosenqvist, que liderou a maior parte da sessão da tarde, marcando 1:47.2941s.

“Tem sido positivo”, disse Rosenqvist sobre os testes. "Ontem tivemos uma grande lacuna para os caras da frente, então eu tive que fazer um pouco de lição de casa na noite passada.

"O meu carro NTT DATA pareceu ser rápido em todas as sessões deste ano. Eu acho que nós podemos realmente lutar entre os cinco primeiros, mas ainda há coisas que temos que aprender e trabalhar.

"Para mim, aprendo todas as vezes que saio (para pista). Mas depois de dois dias aqui, parece que estamos prontos e é hora de seguir em frente para Sebring."

Graham Rahal fechou os cinco primeiros com a Honda dominando as seis primeiras posições, já que Scott Dixon foi o sexto mais rápido. O atual campeão da categoria não ficou satisfeito com sua sensação do carro.

"Eu não acho que fiz um bom trabalho em fazer uma volta. Parece que há algo errado com as suspensões também. Isso é o que nós estávamos perseguindo antes. O volante está dobrado para a esquerda e, depois, quando freia, balança muito. Também estamos tentando entender isso", disse Dixon.

Simon Pagenaud foi o mais rápido com um Chevrolet na P7, seguido pelas Hondas de James Hinchcliffe, da Arrow Schimidt Peterson, Santino Ferrucci, da Dale Coyne Racing, e Josef Newgarden, da Penske, fechando os dez melhores.

Marcus Ericsson causou uma bandeira vermelha no início da sessão depois de um contato com as barreiras de proteção da Curva 2. Will Power também escapou na Curva 19 com 45 minutos para o fim da sessão, trazendo outra bandeira vermelha. A rodada de Jack Harvey na Curva 16 com 10 minutos para o final, também custou tempo de pista aos pilotos.

O brasileiro Tony Kanaan, no Chevrolet #14 da AJ Foyt Racing, passou boa parte do dia nos boxes, como aconteceu nas sessões de terça-feira, quando problemas com a caixa de câmbio o limitaram a apenas 16 voltas.

A AJ Foyt Racing fez várias mudanças na configuração para a quarta-feira, antes de Kanaan sair por 20 voltas. Seu melhor tempo foi 1:48.5553s, na P21 dos 25 participantes, no combinado dos dois dias.

“Tivemos um dia produtivo hoje”, disse Kanaan. "Fizemos grandes mudanças e tentamos separar as mudanças entre os carros, pelo menos agora estamos aprendendo como um time. Matheus [Leist] está ajudando bastante, então um dia feliz para nós. Viemos aqui tentando aprender o que fizemos durante o inverno e no simulador, e as coisas estavam bem próximas, então vamos pegar daqui e tentar melhorar até a primeira corrida.

Este é o nosso primeiro teste e temos mais três antes de St. Pete, então estou animado", concluiu Kanaan.

Leist foi o 19º no resultado combinado completando 61 voltas nos dois dias de testes.

Por enquanto, a série se despede da COTA até a sua corrida inaugural da IndyCar de 22 a 24 de março. A de abertura de temporada da NTT IndyCar Series de São Petersburgo acontece no dia 10 de março.

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – F1 2019 | Racing Point apresenta seu carro para a Fórmula 1:

F1 2019 | Red Bull apresenta RB15 ‘roxo, preto e vermelho’:

F1 2019 | Mercedes apresenta nova pintura para o W10:

F1 2019 | Renault apresenta o R.S.19:

“F1 2019 | Toro Rosso apresenta o STR14":

F1 2019 | Williams apresenta o novo FW42:

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS:


F1Mania
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade