0

Chefe da Force India defende Ocon depois do incidente no GP do Brasil

11 nov 2018
22h36
  • separator
  • comentários

O chefe da equipe da Force India, Otmar Szafnauer, saiu em defesa de Esteban Ocon após o polêmico confronto com Max Verstappen durante o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 deste domingo.

Chefe da Force India defende Ocon depois do incidente no GP do Brasil
Chefe da Force India defende Ocon depois do incidente no GP do Brasil
Foto: F1 / F1Mania

Na 44ª volta, Ocon tentou se recuperar a volta para o líder da corrida Verstappen, com um movimento agressivo no S do Senna.

A dupla entrou em disputa e ambos rodaram na saída do "S do Senna", o que fez com que o holandês perdesse a liderança da corrida para o campeão mundial Lewis Hamilton e também causou um dano considerável à sua RB14.

Szafnauer afirmou que a Ocon tinha o direito de tentar recuperar a volta e sentiu que Verstappen deveria ter deixado mais espaço para o francês durante a disputa.

Ocon recebeu uma penalidade stop/go de 10 segundos por sua transgressão, caindo no pelotão e terminando na P15.

“Esteban tinha feito um bom trabalho na parte de trás do grid e provavelmente teria terminado na P11 se não tivesse a disputa com Verstappen”, disse Szafnauer.

“As regras dizem que você tem permissão para recuperar a volta e Esteban estava muito mais rápido que Max nessa fase. Infelizmente, ele não deixou nenhum espaço na curva e isso arruinou a corrida dos dois."

Após a corrida, Verstappen empurrou repetidas vezes Ocon durante a pesagem, e consequentemente o holandês de 21 anos recebeu uma punição da FIA de dois dias de serviços comunitários por suas ações.

F1Mania

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade