0

Calderon está torcendo para ter uma chance contra os pilotos titulares da F1

3 jan 2019
16h54
atualizado em 4/1/2019 às 09h33
  • separator
  • 0
  • comentários

A piloto de testes da Sauber, Tatiana Calderon, disse que está “cruzando os dedos”, e adoraria se arriscar contra os pilotos titulares da Fórmula 1 em 2019.

Calderon está torcendo para ter uma chance contra os pilotos titulares da F1
Calderon está torcendo para ter uma chance contra os pilotos titulares da F1
Foto: Reprodução/ Twitter / F1Mania

Ela correu na GP3 nas últimas três temporadas, e conseguiu seu primeiro teste em um carro de Fórmula 1 em outubro, quando correu com o atual Sauber C37 na cidade do México. Isso foi feito para um evento promocional, e ela disse que era “mais um aquecimento”, antes de um teste em um carro de especificação mais antiga em Fiorano.

Calderon completou dois dias de testes em uma Sauber C32 de 2013, longe do escrutínio da mídia e de seus financiadores. Depois de concluir isso, ela disse que se sente pronta para se medir contra a atual safra de pilotos de Fórmula 1, em um teste oficial ou sessão de treinos livres em 2019.

“Eu acho que eles da Sauber, estavam muito curiosos”, disse Calderon à Autosport. "Com toda essa pressão no México, eles precisavam saber o que eu realmente podia fazer em Fiorano".

"Acho que mostrei que posso ser competitiva em um carro de F1. Eu pilotei sozinha, então seria ótimo me comparar com seus pilotos e espero ter uma chance".

“Nós vamos ter que esperar para ver, mas eu estou cruzando meus dedos, será assim. É bom que eles me deram uma chance e eu respondi bem. Uma coisa de cada vez, mas quando eles viram que eu pude fazer bem, eles provavelmente vão querer me testar em algo um pouco mais difícil ".

Calderon admitiu, no entanto, que tinha “dúvidas” sobre suas habilidades na preparação para seu teste oficial, apesar de seus extensos preparativos, mas ela “surpreendeu a si mesma” com seu desempenho.

Ela disse: "No final, acho que a equipe estava um pouco mais nervosa do que eu, quando todas essas câmeras apareceram! Eles nunca me viram pilotar, eles só viram os resultados na GP3".

"O objetivo era simplesmente não cometer erros, eu estava me dando uma margem enorme, mas comecei a me sentir confortável no carro e queria acelerar um pouco mais".

"Foi uma sensação incrível finalmente pilotar essa atual geração de carros, e mostrar para a equipe que também posso lidar com alguma pressão. Eu também me surpreendi".

"Você sempre tem dúvidas, fisicamente, mentalmente, vou me acostumar com a velocidade, com os freios? Foi um grande alívio quando terminei o dia, mas gostei muito", concluiu.

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – “Caso desista da F1, Red Bull pensa em Le Mans como opção”:

“Schumacher não respira com ajuda de aparelhos”, diz jornal britânico:

Confira os melhores momentos da Fórmula E na Arábia Saudita:

EQUIPES E PILOTOS | FORMULA E 2018/2019 | Campeonato ABB FIA Fórmula E

Assista ao “RESUMÃO” das novidades da F-E para temporada 2018/2019?


F1Mania
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade