0

Brawn e F1 prontos para observar resultados das alterações aerodinâmicas para 2019

16 dez 2018
13h06
atualizado às 21h35
  • separator
  • comentários

O diretor da Fórmula 1, Ross Brawn, disse que o campeonato vai aumentar as propostas para a revisão planejada para 2021, se os ajustes de 2019 não se concretizarem como esperado.

Brawn e F1 prontos para observar resultados das alterações aerodinâmicas para 2019
Brawn e F1 prontos para observar resultados das alterações aerodinâmicas para 2019
Foto: Reprodução/ Twitter/ @BBCSport / F1Mania

A Fórmula 1 reviu os regulamentos aerodinâmicos para a próxima temporada, principalmente voltados em alterações na asa dianteira, em uma tentativa de permitir que os pilotos se acompanhem mais de perto.

Espera-se que tal movimento aumente a qualidade e a quantidade de ultrapassagens, embora algumas equipes considerem que a mudança terá impacto mínimo, com os projetistas supostamente capazes de recuperar o downforce perdido.

A Fórmula 1 revelou vários conceitos para 2021 no início deste ano, e Brawn diz que os chefes da categoria, estão dispostos a ser reativos se os regulamentos de 2019 não proporcionarem o progresso desejado.

“O que aprendermos com este programa aerodinâmico, será muito importante para o próximo passo maior, em 2021”, disse Brawn em entrevista ao site oficial da F1.

"O ponto a enfatizar é que é uma filosofia e uma cultura, não apenas uma solução única".

“Se não alcançarmos tudo o que queremos alcançar com essas alterações, aprenderemos com isso, e continuaremos com a próxima fase de mudanças".

“Continuaremos fazendo isso, até conseguirmos que os carros possam competir entre eles com muito mais eficiência, o que eles não conseguem no momento".

“É útil ver se as equipes conseguirão evoluir e tomar direções diferentes, porque não queremos descobrir isso em 2021.”

Brawn, no entanto, está otimista de que o impacto do “ar sujo”, será reduzido quando os carros de 2019 forem introduzidos.

“Até que os carros funcionem, não sabemos quais soluções eles adotaram, mas, a partir de previsões, estamos alcançando uma melhora de cerca de 20%”, diz Brawn sobre as mudanças.

“Então, estamos a um quarto do caminho de onde achamos que poderíamos estar. Mas não é uma opção única, no sentido de que você faz isso e não mexe mais", completou.

Confira os melhores momentos da Fórmula E na Arábia Saudita:

EQUIPES E PILOTOS | FORMULA E 2018/2019 | Campeonato ABB FIA Fórmula E

Assista ao “RESUMÃO” das novidades da F-E para temporada 2018/2019?


F1Mania

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade