0

"Ainda estamos muito longe, mas há pontos positivos", diz Russell

1 jul 2019
16h05
  • separator
  • 0
  • comentários

O piloto da Williams, George Russell, achou que houve pontos positivos no Grande Prêmio da Áustria, no qual ele terminou em 18º, com o britânico admitindo que sua equipe ainda está “muito distante”.

“Ainda estamos muito longe, mas há pontos positivos”, diz Russell
“Ainda estamos muito longe, mas há pontos positivos”, diz Russell
Foto: Divulgação / Williams / F1Mania

Largando do pitlane depois de mudar as especificações na sua asa dianteira sob o parque fechado, Russell avançou rapidamente para o meio do grid, e chegou a disputar com outros carros mais fortes no início da corrida no Red Bull Ring.

“Eu consegui lutar contra a Toro Rosso e a Haas no começo, aguentei por um tempo e consegui segurar o Magnussen nos momentos finais”, disse o piloto de 20 anos.

“Ainda estamos muito longe, mas há alguns pontos positivos. As primeiras voltas foram boas.”

O destaque das primeiras voltas foi uma ultrapassagem dupla em Daniil Kvyat e Robert Kubica, com o atual campeão da F2 mergulhando na corrida para ganhar três posições ao mesmo tempo.

"Consegui pegar Robert e Daniil Kvyat de uma só vez, o que foi surpreendente e legal. Eu estava me esforçando totalmente a cada volta, e estou feliz que tenha sido notado. Precisamos ter paciência agora e esperar que mais força aerodinâmica chegue ao carro."

Adicionando ao seu P15 em Mônaco, Russell está lenta mas seguramente ficando mais na mistura no meio do grid, mostrando alguns sinais positivos do desenvolvimento na fábrica da Williams em Grove.

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – ePRIX da SUÍÇA | Melhores Momentos | 11ª etapa Fórmula E 2018/19:

Análise: Vettel CULPADO ou INOCENTE no GP do Canadá? partc. Sérgio Milani. Veja abaixo:

GP DO BRASIL 2020 será realizado no RIO DE JANEIRO, diz JAIR BOLSONARO:

Vídeo mostra o traçado do novo AUTÓDROMO de DEODORO no RIO DE JANEIRO

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS:

F1Mania
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade