1 evento ao vivo

5º no grid, Max Verstappen reclama de ajuste pouco agressivo no Japão

13 out 2019
01h42
  • separator
  • 0
  • comentários

Max Verstappen ficou desapontado por não ter conseguido uma posição melhor no grid depois de conseguir apenas se qualificar em quinto lugar.

5º no grid, Max Verstappen reclama de ajuste pouco agressivo no Japão
5º no grid, Max Verstappen reclama de ajuste pouco agressivo no Japão
Foto: Toshifumi KITAMURA / AFP / F1Mania

Apesar de parecerem candidatos a melhores posições iniciais, a Red Bull Racing ficou com a terceira fila do grid para o GP do Japão, com Verstappen à frente de Alex Albon.

Foi uma sessão problemática para o holandês, que sofreu com problemas no sistema de recuperação de energia durante a segunda parte da qualificação.

No entanto, os problemas foram resolvidos a tempo do Q3, e Verstappen conseguiu concluir uma sessão 'normal', mas ele acredita que seus esforços de qualificação foram prejudicados pela quantidade de 'downforce' aplicada pela configuração do carro.

"A qualificação não foi incrível e a P5 não é o que esperávamos, por isso estou feliz por termos a corrida agora para tentar obter um bom resultado com isso", disse Verstappen.

"Eu tive um problema com a recuperação de energia no Q2, mas tudo estava bem no Q3. Acho que talvez não fôssemos agressivos o suficiente e não era o ideal não ter um empurrão pelas retas, pois estamos andando com muito downforce.

"Está muito vento lá fora, especialmente no segundo setor e na reta principal, mas foi o mesmo para todos, então não há o que reclamar. Estou um pouco decepcionado agora, mas tenho confiança de que a corrida pode ser muito melhor, e esse é o foco".

Seu companheiro de equipe Albon desfrutou de uma de suas melhores atuações em qualificação na Red Bull, depois de definir um tempo perfeitamente idêntico ao Verstappen para ficar em sexto.

Albon só começa atrás de seu companheiro de equipe por ter registrado seu tempo de volta depois de Vertappen, mas ele ficou empolgado com a evolução do seu desempenho.

“Foi uma volta mais limpa na qualificação para mim desta vez, então estou feliz com isso”, disse Albon.

“Não sei de onde veio o tempo dos carros entre os quatro primeiros. Eles parecem ter dado um passo, mas, pessoalmente, estou feliz. É um pesadelo perder a ação de pista de ontem e as condições atuais com o vento não são ideais.

“O carro é completamente diferente, mas é o mesmo para todos. Você podia ver a mudança de vento no Q1 e era assim a cada volta, mas é assim que é”.

Receba as notícias da F1Mania pelo WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/KfnRVB3rgC9KteRiZxfSRY

Inscreva-se em nosso canal no YouTube: https://www.youtube.com/user/f1mania?sub_confirmation=1

Confira os últimos vídeos do canal da F1MANIA no YouTube – EXTREME E revela área da Amazônia, no Brasil, onde acontecerá etapa da categoria:

AUDI apresenta o E-TRON FE06 para a temporada 2019/20 da FÓRMULA E:

O que um piloto de Fórmula E faz durante as férias?

PORSCHE CUP BRASIL | ETAPA ESTORIL 2019 | MELHORES MOMENTOS:

Fórmula E: Como pilotos e equipes se comunicam:

FÉRIAS F1MANIA | Pilotamos uma FERRARI 488 GTB no SPEEDVEGAS:

F1Mania
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade