PUBLICIDADE

Chile x Austrália: Terra acompanha minuto a minuto

12 jun 2014 23h41
ver comentários
Publicidade
<p>Vidal vem treinando e deve jogar contra australianos</p>
Vidal vem treinando e deve jogar contra australianos
Foto: AFP

Terceiro colocado nas Eliminatórias da América do Sul, o Chile chega ao Brasil  para a disputa da Copa do Mundo com uma das seleções mais fortes dos últimos tempos, e quer surpreender os adversários no Grupo B. A estreia chilena será às 19h (de Brasília) desta sexta-feira, contra a Austrália, na Arena Pantanal, e uma vitória é considerada fundamental.

Além dos australianos, o Chile vai encarar os gigantes Espanha e Holanda, em uma das chaves mais difíceis da Copa do Mundo. Os jogadores da Roja sabem que as chances de classificação para as oitavas de final passa por uma vitória nesta sexta-feira, por isso, encaram o duelo como uma verdadeira decisão logo no jogo de estreia.

“Estamos nos preparando muito bem, de forma intensa, e pensando no nosso rival, a Austrália, como a partida mais importante de nossas vidas”, disse o volante Marcelo Díaz, que tem opinião compartilhada com o atacante Maurício Pinilla que garante foco total no duelo contra a Austrália para só depois pensar nos outros adversários. Pinilla vê a classificação como possível, mas acredita que um grupo complicado como o do Chile tudo pode acontecer.

“A verdade é que até o dia de hoje só pensamos na Austrália. Vamos passo a passo. Creio que no mundial não há favorito, sobretudo em um grupo tão forte com o nosso. Temos muito respeito pela Austrália, cresceu muito nos últimos anos. Vamos fazer uma partida com muito respeito e assumir como se fosse o adversário mais forte”, afirmou.

<p>Australianos s&atilde;o azar&otilde;es do Grupo B</p>
Australianos são azarões do Grupo B
Foto: Getty Images

O técnico Jorge Sampaoli ainda não sabe se poderá contar os trabalhos do volante Arturo Vidal, que se recupera de cirurgia no joelho e ainda sente dores no local. O jogador quer entrar em campo, mas como ainda não está 100% curado pode ficar no banco de reservas, preservado para a segunda rodada. A maior esperança chilena é Alexis Sánchez, que assim como Vidal também se recupera de lesão, mas tem presença certa na estreia.

Na Austrália, a Copa do Mundo é encarada como uma grande festa, e não deverá passar disso. As chances de avançar na competição são pequenas, mas nem por isso os australianos pretendem facilitar a vida dos sul-americanos. A grande estrela da equipe é Tim Cahill, que já passou com sucesso pelo futebol da Inglaterra e atualmente joga nos EUA. O atleta revela preocupação com os astros da seleção chilena.

“Assistimos como o Chile joga, e eles tentam muito o gol durante o jogo. Temos que atacar para termos mais chances de vencer. Temos que nos preocupar primeiro conosco, mas também pensarmos em outros jogadores, como Sanchez e Vidal”, declarou.

FICHA TÉCNICA
CHILE X AUSTRÁLIA

Local: Estádio Arena Pantanal, em Cuiabá (MT)
Data: 13 de junho de 2014, sexta-feira
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: Noumandiez Doue (CIV)
Assistentes: Songuifolo Yeo (CIV) e Jean Claude Birumushahu (BDI)

CHILE: Claudio Bravo; Mauricio Isla, Marcos Gónzalez, Gonzalo Jara e Mena; Medel, Aránguiz, Valdívia e Vidal; Alexis Sanchez e Vargas
Técnico: Jorge Sampaoli

AUSTRÁLIA: Mat Ryan; Franjic, Wilkinson, Spiranovic e Davidson; Milligan, Jedinak, Cahill, Troisi e Bresciano; Tommy Oar
Técnico: Ange Postecoglou

Fonte: Terra
Publicidade
Publicidade