1 evento ao vivo

Rony destaca ano de retomada da carreira no Furacão

24 dez 2018
15h57
atualizado às 15h58
  • separator
  • comentários

Para o Atlético Paranaense, o ano de 2018 foi do retorno das conquistas e da entrada definitiva no cenário internacional com o título da Copa Sul-americana. Individualmente, foi algo mais para alguns atletas do elenco. É o caso do atacante Rony, que ficou oito meses longe dos gramados após sua passagem pelo futebol japonês e encontrou no Furacão uma chance de recomeçar sua carreira.

"Fiquei praticamente oito meses parado e o Atlético comprou a minha 'briga'. É difícil só treinar, ir ao estádio só ver jogo, porque você fica com vontade de jogar. Eu tinha a convicção de que daria certo e fico feliz por ter dado a volta por cima", disse o jogador que estreou com gol diante do Bahia. "A ansiedade era muito grande e o meu pensamento era estrear bem. Eu tive a oportunidade de estrear com gol e isso ficará marcado para sempre", emendou.

E comemorar gol no caso do atacante rubro-negro, é sinônimo de cambalhota, movimento que não faltou nesse segundo semestre. "Eu faço essa comemoração desde quando comecei a jogar futebol. É uma marca minha e sai naturalmente quando marco gols. Espero dar continuidade nisso, fazendo gols e seguindo com a comemoração", avaliou.

Além de gols e da volta da confiança, a retomada de Rony ainda foi coroada com o título da Copa Sul-americana. "O título representa muita coisa, porque é um sonho. Mas representa muito para a minha família também, porque nas horas difíceis eles estiveram do meu lado, então ficará marcado para o resto da minha vida", concluiu.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade