PUBLICIDADE
Logo do

Atlético-MG

Meu time

Réver elogia trabalho de Cuca e fala em ansiedade pelo título brasileiro do Atlético-MG

18 nov 2021 15h43
ver comentários
Publicidade

O zagueiro Réver, do Atlético-MG, fez elogios ao técnico Cuca nesta quinta-feira. Em entrevista coletiva, o defensor elogiou a capacidade do treinador em controlar o ambiente no vestiário, especialmente após a eliminação para o Palmeiras na Copa Libertadores.

"O Cuca é um cara especial, tem sua maneira de controlar bem o ambiente. Independentemente da nossa eliminação, sabíamos que não poderíamos jogar a toalha. Temos outras competições importantes, a torcida comprou essa ideia, demos maior atenção nos torneios nacionais. Isso uniu o grupo, não é fácil ser eliminado daquele jeito, jogando do jeito que jogamos. Logicamente tem o merecimento do Palmeiras também, que fez um dos seus melhores jogos no ano", disse o zagueiro em entrevista coletiva.

O Atlético-MG está na liderança do Brasileirão, com 71 pontos conquistados, oito a mais em relação ao Flamengo. Réver falou sobre a ansiedade pelo título nacional. "Acredito que vivemos essa ansiedade, isso faz parte de todo processo pelo que nós estamos passando. A gente tenta controlar isso para não sermos prejudicados. A prova disso são os últimos resultados. Mesmo que o torcedor tenha essa ansiedade, eles têm nos ajudado muito, há muito tempo que a gente não tinha essa vantagem. Temos que manter o foco e o nível de concentração para conseguirmos nosso objetivo, que são os dois títulos que disputamos", disse o defensor.

O Atlético-MG enfrenta o Juventude no próximo sábado, ás 19 horas (de Brasília), no Mineirão. A partida é válida pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Confira outros trechos da coletiva do Réver:

Velocidade com 36 anos

"A velocidade não tem me causado problema, me preocupo mais com o rápido raciocínio e a tomada de decisão. A velocidade nunca me atrapalhou, sempre tive a a característica de ter bom posicionamento e boa leitura de jogo, então não seria agora que eu teria essa velocidade, aos 36 anos. Fico feliz com o reconhecimento do técnico, estou tentando aproveitar e dar meu melhor no momento que sou acionado. Espero que seja assim até o término das competições que temos pela frente"

Revezamento com a faixa de capitão

"A gente tem algumas lideranças e na ausência de um ou necessidade do outro, temos esse revezamento. É algo pequeno pelo que a gente pode conquistar no Atlético. Independente de quem seja o capitão, nosso grande objetivo é conquistar esse título que há muito tempo não conquistamos. O que mais importa para mim é vencer, independentemente da situação."

Todo elenco disponível

"Acho que é um problema bom para o Cuca. Ele está feliz em contar com todos os seus jogadores em uma fase final de competição. Poucos clubes possuem esse luxo. Mesmo com a preocupação da escalação, ele está feliz, pois é uma dor de cabeça boa."

Atual momento do Zaracho

"O Zaracho vem tendo um crescimento absurdo desde a sua chegada, esse é o melhor momento dele. No início ele teve um pouquinho de dificuldade na adaptação. Ele se entrega sempre e vem colhendo frutos. Quem mais se beneficia é o Atlético, ele é um jogador que todo treinador gosta. Marca forte, tem boa chegada, ele vem fazendo essa diferença junto a outros jogadores."

Variações de esquema

"Na verdade o esquema perfeito é o esquema que vence, esse é o que eu prefiro. nosso treinador varia bastante a formação, então é algo que acredito que ele tem estudado bastante. Ele vai ter a melhor formação, independentemente de ser 4-4-2 ou 4-3-3. Vamos entrar da mesma maneira, com a mesma dedicação. Nós sabemos do que o jogo nos pede para que a gente consiga a vitória, tem tudo para ser um grande jogo."

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade