10 eventos ao vivo

Luan se irrita com brincadeira de Cazares e expõe atrasos do colega; Atletas se reconciliam

3 jun 2019
17h35
atualizado em 4/6/2019 às 12h24
  • separator
  • 0
  • comentários

Luan não gostou da maneira como foi tratado por Cazares (Foto: Bruno Cantini / Atlético)

Após a vitória do Atlético sobre o CSA, por 4 a 0, com direito a golaços, o meia Cazares foi questionado o motivo de não ter batido uma falta, em local muito parecido onde fez seu gol. Em tom irônico, em entrevista a Rádio 98FM, o equatoriano disse que na próxima não deixaria o "menino maluquinho" bater e o mandaria "tomar no ****". A situação deixou Luan bastante irritado.

"Fico chateado, é normal, mas é cabeça erguida, é brincadeira. E se eu fosse brincar sobre o jeito que ele chega ao treino? Ninguém vai gostar. O jeito dele, atrasado sempre. Imagina a polêmica que iria dar. A gente apoia, incentiva, para que ele seja feliz dentro de campo e possa ajudar o Atlético. A chateação é porque tem torcedor que apoia esse tipo de entrevista, com palavrão. Mas estou tranquilo. O importante foi à vitória", disse Luan, claramente irritado.

Pouco mais tarde, após a grande repercussão, a torcida riu de Cazares e achou errada a atitude tomada por Luan. O camisa 10 tratou de evitar maiores problemas e esclareceu o assunto. "Eu falei brincando quando o cara fez essa pergunta. Todo mundo quer o Luan. Parem de falar bobagem demais. Não tenho nada contra ele, nossa amizade é muito boa, então parem de inventar, que foi só uma brincadeira. Se tiver mais falta ele vai bater. Aqui é grupo. Obrigado por entender", postou em seu Twitter em conta verificada.

Nesta segunda-feira, folga dos atleticanos, Luan também evitou que a situação seguisse. Pelas redes sociais, o meia gravou um vídeo argumentando que a situação ficou chata, mas já está resolvida.

"Venho aqui gravar esse vídeo sobre o assunto de ontem, que causou polêmicas no povo. Quero dizer que não tenho nada contra o Cazares, a gente já conversou ontem mesmo e está tudo certo entre a gente. Só foi no momento. Foi um momento chato, que ninguém gostaria, da minha parte também, falei algumas coisas que não deveria, com cabeça quente. O importante é que o Atlético venceu, que o grupo venceu, e esse era nosso objetivo ontem", finalizou.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade