PUBLICIDADE
Logo do

Atlético-MG

Meu time

Cuca nega pressão para confronto contra o Palmeiras e evita falar da derrota do rival para o Corinthians

Segundo o comandante do Atlético-MG, o revés para o Timão não vai entrar em campo na decisão de terça-feira, 28, pelas semifinais da Libertadores

26 set 2021 17h22
ver comentários
Publicidade

Assim que terminou o duelo do Galo contra o São Paulo pelo Brasileirão (empate por 0 a 0), a "chave virou" na equipe mineira para a decisão diante do Palmeiras, terça-feira, 28 de setembro, no Mineirão. A partida vai definir o primeiro finalista da Libertadores 2021. E, o Atlético-MG quer evitar a pressão em cima do time antes da bola rolar.

Esse pensamento foi revelado pelo técnico Cuca, que evitou criar excesso de expectativa sobre sua equipe, apesar de não ter sido derrotado no jogo de ida, trazendo um empate sem gols diante do Verdão. O perigo, segundo o treinador, é o Palmeiras vir a BH e marcar gols, o que pode dar a vaga ao time paulista, mesmo que não vença o jogo.

Pelo regulamento da Libertadores, caso haja empate com gols, a vaga na final será do Palmeiras. Qualquer vitória leva o Galo à decisão. Novo 0 a 0 levará a disputa para as penalidades máximas. Confira o que Cuca falou no vídeo acima.

O Galo quer evitar excesso de pressão na equipe  antes do duelo diante do Palmeiras-(Foto: Cesar Greco)
O Galo quer evitar excesso de pressão na equipe antes do duelo diante do Palmeiras-(Foto: Cesar Greco)
Foto: Lance!
Lance!
Publicidade
Publicidade